s
Artigos Café Brasil
Cafezinho Live
Cafezinho Live
Luciano Pires, criador e apresentador dos podcasts Café ...

Ver mais

Me Engana Que Eu Gosto
Me Engana Que Eu Gosto
Me engana que eu gosto: dois meio brasis jamais somarão ...

Ver mais

Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando a hora do Podcast Café Brasil 700!

Ver mais

Aplicativos IOS e Android para o Café Brasil Premium!
Aplicativos IOS e Android para o Café Brasil Premium!
MUDANÇAS IMPORTANTES NO CAFÉ BRASIL PREMIUM A você que ...

Ver mais

Café Brasil 736 – Coisas Sobre Você
Café Brasil 736 – Coisas Sobre Você
A Bianca Oliveira é jornalista, apresentadora de ...

Ver mais

Café Brasil 735 – Morrer de quê?
Café Brasil 735 – Morrer de quê?
Fala a verdade, quem é que não se pegou pensando sobre ...

Ver mais

Café Brasil 734 – Globalização e Globalismo
Café Brasil 734 – Globalização e Globalismo
Olha, vira e mexe a gente ouve falar em globalização e ...

Ver mais

Café Brasil 733 – Agro Resenha
Café Brasil 733 – Agro Resenha
O agronegócio, que talvez seja o mais espetacular caso ...

Ver mais

Comunicado Café Brasil e Omnystudio
Comunicado Café Brasil e Omnystudio
Nos 14 anos em que produzimos podcasts, esta talvez ...

Ver mais

Comunicado sobre o LíderCast
Comunicado sobre o LíderCast
Em função da pandemia e quarentena, a temporada 16 do ...

Ver mais

LíderCast 204 – Marco Bianchi
LíderCast 204 – Marco Bianchi
Humorista, um dos criadores dos Sobrinhos do Athaíde, ...

Ver mais

LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
Empreendedor de Vitória, no Espírito Santo, que começa ...

Ver mais

Sem treta
Sem treta
A pessoa diz que gosta, mas não compartilha.

Ver mais

O cachorro de cinco pernas
O cachorro de cinco pernas
Quantas pernas um cachorro tem se você chamar o rabo de ...

Ver mais

Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
A intolerância é muito maior na geração que mais teve ...

Ver mais

Leitura cafezinho 303 – Cérebro médio
Leitura cafezinho 303 – Cérebro médio
Escolha um tema quente, dê sua opinião e em seguida ...

Ver mais

Quando abandonamos a literatura, a língua nos abandona
Gustavo Bertoche
É preciso lançar pontes.
O domínio da língua não se esgota na leitura e na escrita proficiente. A língua é composta por muitas linguagens que se inscrevem em diferentes regiões hermenêuticas. Ao transitar por um texto ...

Ver mais

O turismo e a economia
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
O turismo e a economia A indústria do turismo passou certamente pelo maior desafio das últimas décadas, mas é forte o bastante para superar. Esteja atento às possibilidades tecnológicas e agregue ...

Ver mais

O boom no turismo regional no mundo pós-pandemia do coronavírus
Michel Torres
Estratégias para diferenciação e melhor aproveitamento da imensa demanda por hotéis e pousadas Um detalhe sobre a pandemia do coronavírus em curso é que as áreas com focos concentrados são ...

Ver mais

Boicote, Coelhinho?
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
O britânico Charles Cunningham entrou pra História de um jeito muito diferente. Em 1880, foi à Irlanda dirigir os negócios de um grande proprietário de terras local. Acabou entrando em desavenças ...

Ver mais

Cafezinho 320 – IV Sarau Café Brasil
Cafezinho 320 – IV Sarau Café Brasil
Um convite para o IV Sarau Café Brasil

Ver mais

Cafezinho 319 – A cizânia
Cafezinho 319 – A cizânia
Fique de olho nos Tullius Detritus que infestam sua vida.

Ver mais

Cafezinho 317 – Declaração de Princípios
Cafezinho 317 – Declaração de Princípios
Quando decidi que lançaria meu primeiro curso on-line, ...

Ver mais

Cafezinho 316 – Não somos estúpidos
Cafezinho 316 – Não somos estúpidos
Não, não é para mergulhar no otimismo cego, que é tão ...

Ver mais

É tudo soda

É tudo soda

Luciano Pires -

Sheena Iyengar, professora na escola de negócios de Columbia, nos EUA, desenvolve um trabalho de pesquisa sobre como as pessoas realizam suas escolhas. Durante pesquisa realizada com pessoas que cresceram sob regimes socialistas/comunistas, ela fez uma curiosa descoberta. Ao receber os grupos, Sheena oferecia sete diferentes tipos ou marcas de refrigerantes, perguntando qual as pessoas desejavam. E repetidamente, ouvia “qualquer uma”, afinal era tudo soda. A percepção só mudou quando foram oferecidos água e suco além das sete sodas. Então as pessoas passaram a ver três opções: soda, água e suco.

Sheena percebeu a diferença entre quem cresceu debaixo de um regime socialista, sem opções e sem exposição ao marketing, e os norte-americanos, por exemplo, com sua devoção quase religiosa às marcas.

E ela concluiu: para nós, que estamos expostos a opções de escolha e propagandas associadas a essas opções, escolher uma marca tem mais a ver com quem nós somos do que com o que o produto é.

Essa reflexão me surgiu neste final de semana ao ver as capas das revistas semanais e as mídias sociais definindo de vez que todos os políticos e todos os partidos são iguais: é tudo soda!

A crise política que a cada dia se torna mais profunda está causando a destruição de marcas construídas ao longo dos últimos 30 anos. Partidos e políticos que laboriosamente elaboraram suas narrativas, estão se desfazendo diante da percepção popular de que é tudo soda. E isso é péssimo, pois se é tudo igual, o jeito é escolher o menos ruim.

Mas quem escolhe o menos ruim, continua escolhendo o ruim.

Moral da história: assim como fomos expostos às propagandas das sodas que consumimos, mas no final escolhemos aquelas cujo sabor mais apreciamos, fomos expostos às propagandas dos políticos e partidos e percebemos os que têm gosto ruim. E se concluímos que todos têm gosto ruim, tá na hora de mudar pra suco. Ou água.

Abra os olhos para novas narrativas, para novas propostas, para marcas que você nunca viu. Mas jamais se esqueça: o produto que você escolher tem mais a ver com quem você é do que com a marca em si.