s
Portal Café Brasil
Corrente pra trás
Corrente pra trás
O que vai a seguir é um capítulo de meu livro ...

Ver mais

O que é um “bom” número de downloads para podcasts?
O que é um “bom” número de downloads para podcasts?
A Omny Studio, plataforma global na qual publico meus ...

Ver mais

O campeão
O campeão
Morreu Zagallo. Morreu o futebol brasileiro que aprendi ...

Ver mais

O potencial dos microinfluenciadores
O potencial dos microinfluenciadores
O potencial das personalidades digitais para as marcas ...

Ver mais

Café Brasil 935 – O que faz a sua cabeça?
Café Brasil 935 – O que faz a sua cabeça?
É improvável – embora não impossível – que os ...

Ver mais

Café Brasil 934  – A Arte de Viver
Café Brasil 934  – A Arte de Viver
Durante o mais recente encontro do meu Mastermind MLA – ...

Ver mais

Café Brasil 933 – A ilusão de transparência
Café Brasil 933 – A ilusão de transparência
A ilusão de transparência é uma armadilha comum em que ...

Ver mais

Café Brasil 932 – Não se renda
Café Brasil 932 – Não se renda
Em "Star Wars: Episódio III - A Vingança dos Sith", ...

Ver mais

LíderCast 329 – Bruno Gonçalves
LíderCast 329 – Bruno Gonçalves
O convidado de hoje é Bruno Gonçalves, um profissional ...

Ver mais

LíderCast 328 – Criss Paiva
LíderCast 328 – Criss Paiva
A convidada de hoje é a Criss Paiva, professora, ...

Ver mais

LíderCast 327 – Pedro Cucco
LíderCast 327 – Pedro Cucco
327 – O convidado de hoje é Pedro Cucco, Diretor na ...

Ver mais

LíderCast 326 – Yuri Trafane
LíderCast 326 – Yuri Trafane
O convidado de hoje é Yuri Trafane, sócio da Ynner ...

Ver mais

Segunda Live do Café Com Leite, com Alessandro Loiola
Segunda Live do Café Com Leite, com Alessandro Loiola
Segunda live do Café Com Leite, com Alessandro Loiola, ...

Ver mais

Live Café Com Leite com Roberto Motta
Live Café Com Leite com Roberto Motta
Live inaugural da série Café Com Leite Na Escola, ...

Ver mais

Café² – Live com Christian Gurtner
Café² – Live com Christian Gurtner
O Café², live eventual que faço com o Christian ...

Ver mais

Café na Panela – Luciana Pires
Café na Panela – Luciana Pires
Episódio piloto do projeto Café na Panela, com Luciana ...

Ver mais

Rubens Ricupero
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Memórias de um grande protagonista   “Sem as cartas, não seríamos capazes de imaginar o fervor com que sentíamos e pensávamos aos vinte anos. Já quase não se escrevem mais cartas de amor, ...

Ver mais

Vida longa ao Real!
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Vida longa ao Real!   “A população percebe que é a obrigação de um governo e é um direito do cidadão a preservação do poder de compra da sua renda. E é um dever e uma obrigação do ...

Ver mais

A Lei de Say e a situação fiscal no Brasil
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
A Lei de Say e o preocupante quadro fiscal brasileiro   “Uma das medidas essenciais para tirar o governo da rota do endividamento insustentável é a revisão das vinculações de despesas ...

Ver mais

Protagonismo das economias asiáticas
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Protagonismo das economias asiáticas   “Os eleitores da Índia − muitos deles pobres, com baixa escolaridade e vulneráveis, sendo que um em cada quatro é analfabeto − votaram a favor de ...

Ver mais

Cafezinho 633 – O Debate
Cafezinho 633 – O Debate
A partir do primeiro debate entre Trump e Biden em ...

Ver mais

Cafezinho 632 – A quilha moral
Cafezinho 632 – A quilha moral
Sua identidade não vem de suas afiliações, ou de seus ...

Ver mais

Cafezinho 631 – Quem ousa mudar?
Cafezinho 631 – Quem ousa mudar?
O episódio de hoje foi inspirado num comentário que um ...

Ver mais

Cafezinho 630 – Medo da morte
Cafezinho 630 – Medo da morte
Na reunião do meu Mastermind na semana passada, a ...

Ver mais

Café Com Leite 38 – A energia que você usa

Café Com Leite 38 – A energia que você usa

Luciano Pires -

Bárbara: Bom dia, boa tarde, boa noite! Babica?

Mudo (ruido de estática) https://www.youtube.com/watch?v=ubFq-wV3Eic

Bárbara: Babica?

Estática

Bárbara: Ai, gente, esqueci de carregar o celular! Pera um pouco…

Música por 30 segundos

Bárbara: Ufa. Pronto. Babica?

Babica: Ai, Bárbara, pensei que você tinha esquecido de mim!

Bárbara: Nunca, Babica! Eu esqueci é de carregar o celular. Fiquei sem bateria!

Babica: Ah, Bárbara, você sabe que sem bateria eu não funciono, né?

Bárbara: Claro que eu sei. E não por acaso, esse é o tema do episódio de hoje!

Babica: Bateria de celular?

Bárbara: ahahahahah… energia, Babica! De onde vem a energia que usamos para carregar o celular, esquentar a água do banho, ligar a TV, o vídeo game e tantas outras coisas.

Babica: Que legaaaaaaaaaalllllll!

Bárbara: Meu nome é Bárbara Stock e este é o Café Com Leite, um podcast para famílias com crianças inteligentes e para pais que se importam.

Babica: E eu sou a Babica, o avatar da Bárbara que vive dentro do celular dela! Também estarei aqui com você!

Bárbara: Babica, quem é o ouvinte de hoje?

Babica: Hoje é o Eduardo! O Dudu!

COMENTÁRIO DO OUVINTE

Bárbara: Ah, que legal, Duduuuuuuuuu!!! Que bom ter você aqui no nosso Café Com Leite!

Babica: Bom mesmo, Dudu! Aquele episódio do hino foi muito legal, mesmo! E quem é patriota como você gostou muito! Obrigado pela mensagem, viu?

Bárbara: Obrigado mesmo, Dudu! Você ganhou uma linda camiseta do Café Com Leite! E se você gostou do nosso Café com Leite, mande uma mensagem de voz para nós no whatsapp 11915670602. Se sua mensagem for escolhida, vamos publicá-la no próximo episódio e você ganhará uma camiseta muito legal!

Bárbara: Isso! Se seu áudio for escolhido, você ganha uma camiseta do Café Com Leite!  Vou repetir o whatsap: 11 915670602

Babica: Bárbara, se nós vamos falar de energia elétrica, que tal dar um pulinho na história?

Bárbara: Excelente ideia, Babica! Você me ajuda a contar?

Babica: Claro que sim!

Ruído elétrico

https://www.youtube.com/watch?v=QjzJERfJqC4

Bárbara: A energia elétrica é uma forma de energia que podemos utilizar para muitas coisas, como iluminar nossas casas, fazer funcionar os aparelhos eletrônicos e até mesmo mover carros e trens.

Babica: E dá choque, não é?

Bárbara: Nossa, como dá! Por isso é muito importante ter cuidado com ela. A descoberta da energia elétrica começou há muito tempo, quando algumas pessoas perceberam que algumas substâncias tinham uma propriedade estranha: se esfregassem essas substâncias em outras, elas ficavam carregadas e podiam até atrair coisas pequenas, como pedacinhos de papel. Esse fenômeno foi chamado de eletricidade.

Babica: Coisas grudando umas nas noutras? Como assim?

Bárbara: Tem uma experiência que é ótima para explicar isso, Babica. A gente pega um pedaço de papel e corta em pedacinhos bem pequenos e os espalha sobre a mesa. Aí pega um pente…

Babica: Pente? De pentear cabelo?

Bárbara: Sim, Babica. Um pente de pentear cabelo. Passa o pente nos cabelos, várias vezes e depois aproxima dos pedacinhos de papel.

Babica: O que acontece?

Bárbara: Os papeizinhos vão grudar no pente!

Babica: Grudar no pente? Por quê?

Bárbara: Porque o atrito do pente nos cabelos gera eletricidade estática, Babica. O pente fica carregado com uma carga de elétrica negativa. Já os pedacinhos de papel ou outros objetos podem ter uma carga elétrica positiva ou neutra. Como cargas opostas se atraem, o pente carregado negativamente acaba atraindo os objetos com carga positiva ou neutra, fazendo com que eles grudem no pente.

Babica: Ah, que coisa complicada. Mas eu quero fazer essa experiência!

Bárbara: Quem está nos ouvindo pode fazer é muito fácil e divertido!

Babica: Ah, coitado…

Bárbara: O que foi?

Babica: O tio Luciano não vai poder fazer.

Bárbara: Ahahahahahah você está zoando a careca dele?

Babica: Eu não! Vai que ele me apaga!

Bárbara e Babica: Ahahahahahahha

Bárbara: Vamos voltar à nossa história. Com o tempo, cientistas como Michael Faraday e Thomas Edison fizeram muitas experiências para entender como a eletricidade funciona e como podiam utilizá-la. Edison foi o primeiro a criar uma usina elétrica em Nova York, em 1882, e aí a eletricidade começou a ser usada cada vez por mais gente.

Babica: 1882? Como era a vida antes de ter eletricidade? Nenhum aparelho elétrico funcionava, né?

Bárbara: nem existiam, Babica. Hoje, a energia elétrica é muito importante para a nossa vida. Mas precisamos tomar cuidado com o modo como ela é gerada, porque algumas formas de geração de energia podem causar problemas para o meio ambiente. Por isso, cientistas estão estudando cada vez mais maneiras de gerar energia elétrica de forma limpa e renovável, como usando o sol, o vento e até mesmo as ondas do mar.

Babica: Que interessante isso, Bárbara! Como será uma fábrica de energia elétrica?

Bárbara: Existem diversas maneiras de gerar energia, Babica. No Brasil as principais são a hidroeletricidade, o petróleo e seus derivados, o gás natural e a biomassa, principalmente proveniente da cana-de-açúcar. Tem também a energia solar, a geração pelos ventos e até pelas ondas do mar…

Babica: Nossa! Quanta coisa. Mas eu fiquei interessada por essa biomassa. O que é isso?

Bárbara: Tem a ver com o agronegócio, Babica. O agronegócio tem uma participação importante na geração de energia elétrica. Isso acontece principalmente por meio do uso de resíduos orgânicos, como restos de plantas e animais, para a produção de biogás e de energia elétrica.

Babica: Restos de plantas e animais? É isso a biomassa?

Bárbara: Sim. É a partir dela que surge o biogás, por exemplo. É um tipo de gás produzido pela decomposição de resíduos orgânicos, ou seja, restos de alimentos, estrume animal, resíduos de produção agrícola, lodo de esgoto e outros materiais. Isso tudo misturado, forma o que eles chamam de biomassa. A biomassa é jogada num tanque e misturada com água formando um caldo quente e úmido. E então, tcham tcham tcahm tchammmmm

Babica: As bactérias!

Bárbara: Isso! As bactérias começam a comer aquilo tudo e vão gerando gás, que é armazenado e serve para ser queimado, gerando energia. É o famoso biogás, utilizado como fonte de energia para gerar eletricidade ou como combustível para aquecimento.

Babica: Bárbara

Bárbara: O que foi, Babica?

Babica: As bactérias produzem gás quando comem a biomassa?

Bárbara: sim!

Babica: Então elas soltam pum?

Bárbara: Ahahahahahahahahahhah é isso mesmo, Babica! Ahahahahhahahah

Babica: Não tô achando graça. Por isso o metano é um gás fedido!

Bárbara: Ahahahahahahha

Babica: Bom, mas qual é a participação do agronegócio nisso?

Bárbara: Com os resíduos, Babica. Da criação de animais, vem o esterco…

Babica: O cocô?

Bárbara: Sim, o cocô das aves, dos suínos e dos bovinos.

Babica: O cocô daquelas 11 milhões e meio de galinhas?

Bárbara: também, Babica. Em 2020 o Brasil tinha um rebanho com 213 milhões de bois e vacas. Um bilhão e meio de aves. E 41 milhões de suínos.

Babica: Gente…

Bárbara: Imagina a quantidade de esterco que esses bichos produzem!

Babica: Esterco, é? É cocô! Não tô gostando dessa história. Primeiro pum, depois cocô…

Bárbara: Ahahahahahha Babica, e xixi! Se você soubesse como o esterco é útil… Ele serve de adubo para as plantas, é usado como fertilizante!

Babica: Uh!

Bárbara: Mas além do esterco, tem as palhas e pontas cortadas durante a colheita e tratamento dos produtos, tem a vinhaça, que é um resíduo líquido gerado a partir da produção de álcool combustível, o etanol, a partir da cana-de-açúcar…. tudo isso é matéria prima para a geração de energia.

Babica: Ah, vi aqui que tem o bagaço de cana de açúcar, que também serve para gerar energia!

Bárbara: Sim! E a instalação de painéis fotovoltaicos nas fazendas está gerando um potencial imenso de produção de energia!

Babica: Ah, esses eu conheço! São painéis que transformam a luz do sol em eletricidade, não é?

Bárbara: Sim. Eles têm células solares. Quando a luz bate nelas, começa a gerar eletricidade. Pense numa fazenda, Babica.

Babica: Tô pensando.

Bárbara: Fazenda grande, muito grande!

Babica: Tô pensando!

Bárbara: O que é que mais tem nela?

Babica: Terra!

Bárbara: O que mais?

Babica: Ué… plantas, árvores, bichos…

Bárbara: E o que é que cai sobre ela durante todo o dia?

Babica: Chuva?

Bárbara: Sol, Babica. Muuuuuuuito sol. O que o Brasil mais tem é sol! Então a turma do agro está instalando painéis em suas fazendas. Tem gente até que está criando fazendas de energia elétrica, que tem tantos painéis fotovoltaicos, que produz e vende energia.

Babica: Que coisa! Mas o que é que tem de mais especial nisso tudo?

Bárbara: Ah, muita coisa. A energia gerada usando os restos da produção do agro, serve para que esses restos sejam queimados, e não jogados na natureza, por exemplo. É uma energia renovável, as plantas e animais sempre estão produzindo resíduos. E tem o setor sucroenergético.

Babica: Energia renovável, Bárbara?

Bárbara: Sim, Babica. Mas nós vamos falar sobre isso num episódio futuro.

Babica: Ah, vou cobrar. E o que é esse setor Sucroenergético?

Bárbara: É o setor da cana-de-açúcar, que tem a plantação da cana, a colheita, o transporte e o processamento da matéria-prima em usinas de açúcar e álcool. Na usina, a cana-de-açúcar é esmagada e moída para a extração do caldo, que é então purificado e evaporado para a produção do açúcar e/ou fermentado para a produção do etanol.

Babica: O etanol que vocês usam nos carros à álcool?

Bárbara: Esse mesmo. O combustível que nós colocamos em nossos carros a álcool nos postos de gasolina, vem da cana-de-açúcar, que é do agronegócio. E como já dissemos, tem a queima do bagaço de cana-de-açúcar, que gera eletricidade para uso próprio da usina ou para venda para a rede elétrica.

Babica: Olha Bárbara, eu estou impressionada. Falamos do ovo que vocês comem, da roupa que vocês vestem, da energia que vocês usam, tudo isso com participação do agronegócio.

Bárbara: Babica, o agronegócio é responsável por produzir muitos alimentos e produtos que usamos no nosso dia a dia, ajudando a economia do país a crescer e também preservando a natureza para que possamos continuar a ter um planeta saudável.

Babica: Preservando a natureza? Mas como, se eles derrubam as árvores para fazer as plantações e criar o gado?

Bárbara: Excelente pergunta, Babica. No próximo episódio nós vamos falar sobre isso.

Babica: Ebaaaaaaaaaaaaa

_________________________________________________

Bárbara: Não esqueça então: se você está gostando deste nosso podcast, se quer que a gente cresça, contribua conosco! Tem várias formas! Quem sabe você nos ajuda a encontrar um patrocinador. Ou então faz uma contribuição pelo nosso PIX, que é o 11915670602

Babica: E tem uma novidade: o CLUBE CAFÉ COM LEITE! Inauguramos um espaço para reunir as pessoas que gostam do nosso conteúdo e que querem que a gente continue! Vá até o podcastcafecomleite.com.br e faça uma assinatura!

Bárbara: Isso mesmo! Pule pra dentro do Café Com Leite! Ajude a gente a continuar! No podcastcafecomleite.combr

Babica: Venha pro Clube Café Com Leite!

_______________________________________________________

Bárbara: Muito bem! Eu sou a Bárbara Stock…

Babica: E eu sou a Babica! O avatar de Bárbara que mora no super celular dela.

Bárbara: somos suas companheiras neste Café Com Leite, que é feito com muito carinho pela turma de super heróis do Podcast Café Brasil. A edição é do Senhor A e a direção é do Luciano Pires.

E hoje vamos encerrar como o episódio?

Babica: Ah, fui buscar um velho provérbio chinês:

Quando o homem planta, a natureza sorri.