s
Iscas Intelectuais
Corrente pra trás
Corrente pra trás
O que vai a seguir é um capítulo de meu livro ...

Ver mais

O que é um “bom” número de downloads para podcasts?
O que é um “bom” número de downloads para podcasts?
A Omny Studio, plataforma global na qual publico meus ...

Ver mais

O campeão
O campeão
Morreu Zagallo. Morreu o futebol brasileiro que aprendi ...

Ver mais

O potencial dos microinfluenciadores
O potencial dos microinfluenciadores
O potencial das personalidades digitais para as marcas ...

Ver mais

Café Brasil 934  – A Arte de Viver
Café Brasil 934  – A Arte de Viver
Durante o mais recente encontro do meu Mastermind MLA – ...

Ver mais

Café Brasil 933 – A ilusão de transparência
Café Brasil 933 – A ilusão de transparência
A ilusão de transparência é uma armadilha comum em que ...

Ver mais

Café Brasil 932 – Não se renda
Café Brasil 932 – Não se renda
Em "Star Wars: Episódio III - A Vingança dos Sith", ...

Ver mais

Café Brasil 931 – Essa tal felicidade
Café Brasil 931 – Essa tal felicidade
A Declaração de Independência dos Estados Unidos foi um ...

Ver mais

LíderCast 328 – Criss Paiva
LíderCast 328 – Criss Paiva
A convidada de hoje é a Criss Paiva, professora, ...

Ver mais

LíderCast 327 – Pedro Cucco
LíderCast 327 – Pedro Cucco
327 – O convidado de hoje é Pedro Cucco, Diretor na ...

Ver mais

LíderCast 326 – Yuri Trafane
LíderCast 326 – Yuri Trafane
O convidado de hoje é Yuri Trafane, sócio da Ynner ...

Ver mais

LíderCast 325 – Arthur Igreja
LíderCast 325 – Arthur Igreja
O convidado de hoje é Arthur Igreja, autor do ...

Ver mais

Segunda Live do Café Com Leite, com Alessandro Loiola
Segunda Live do Café Com Leite, com Alessandro Loiola
Segunda live do Café Com Leite, com Alessandro Loiola, ...

Ver mais

Live Café Com Leite com Roberto Motta
Live Café Com Leite com Roberto Motta
Live inaugural da série Café Com Leite Na Escola, ...

Ver mais

Café² – Live com Christian Gurtner
Café² – Live com Christian Gurtner
O Café², live eventual que faço com o Christian ...

Ver mais

Café na Panela – Luciana Pires
Café na Panela – Luciana Pires
Episódio piloto do projeto Café na Panela, com Luciana ...

Ver mais

Vida longa ao Real!
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Vida longa ao Real!   “A população percebe que é a obrigação de um governo e é um direito do cidadão a preservação do poder de compra da sua renda. E é um dever e uma obrigação do ...

Ver mais

A Lei de Say e a situação fiscal no Brasil
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
A Lei de Say e o preocupante quadro fiscal brasileiro   “Uma das medidas essenciais para tirar o governo da rota do endividamento insustentável é a revisão das vinculações de despesas ...

Ver mais

Protagonismo das economias asiáticas
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Protagonismo das economias asiáticas   “Os eleitores da Índia − muitos deles pobres, com baixa escolaridade e vulneráveis, sendo que um em cada quatro é analfabeto − votaram a favor de ...

Ver mais

Criatividade, destruição criativa e inteligência artificial
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Criatividade, destruição criativa e inteligência artificial   “O capitalismo é, essencialmente, um processo de mudança econômica (endógena). O capitalismo só pode sobreviver na ...

Ver mais

Cafezinho 632 – A quilha moral
Cafezinho 632 – A quilha moral
Sua identidade não vem de suas afiliações, ou de seus ...

Ver mais

Cafezinho 631 – Quem ousa mudar?
Cafezinho 631 – Quem ousa mudar?
O episódio de hoje foi inspirado num comentário que um ...

Ver mais

Cafezinho 630 – Medo da morte
Cafezinho 630 – Medo da morte
Na reunião do meu Mastermind na semana passada, a ...

Ver mais

Cafezinho 629 – O luto político
Cafezinho 629 – O luto político
E aí? Sofrendo de luto político? Luto político é quando ...

Ver mais

Moralidade e Capitalismo 2: A Liberdade

Moralidade e Capitalismo 2: A Liberdade

Alessandro Loiola -

A Liberdade sempre foi a primeira linha de defesa de todos que amam o Capitalismo. “O capitalismo é o respeito constitucional ao livre comércio e à propriedade privada – todo o resto é socialismo”, escreveu Hans-Hermann Hoppe. Mas a liberdade do capitalismo deve ser limitada para manter a ordem e a segurança social – incluindo salvaguardas contra crises financeiras e expedientes predatórios. Em um paradoxo, a liberdade capitalista requer uma esfera privada, protegida, onde os indivíduos possam perseguir seus meios e seus fins sem a interferência de outros. Ainda que seja uma liberdade, ela não é tão libertária quanto seus entusiastas propõem.

A Moralidade, como Aristóteles definiu em Ética das Virtudes, não pode ser alcançada exceto quando se possui soberania de escolha sem coerção. Uma vez que o capitalismo nutre a esperança de ostentar uma liberdade aparentada desta, ele proclama outorgar o melhor ambiente possível para o progresso da Moralidade e do Caráter: em teoria, o sucesso nos negócios não apenas exige, mas também recompensa, o comportamento virtuoso, o pensamento independente, a criatividade e as diferenças de talentos entre os indivíduos.

O lance é que nenhum sistema econômico pode tornar as pessoas boas: o melhor que eles podem fazer é permitir que as pessoas o sejam. Somente quando o indivíduo tem a contingência de escolha e arca com as implicações de suas condutas ele pode ser Moral. O capitalismo, mais que qualquer outro sistema econômico, promete este exercício do livre arbítrio.

Para fabricar prosperidade, o capitalismo aplica persuasão e trocas voluntárias, e não coerção ou força. Ele viceja a partir do princípio de não-agressão à liberdade humana. As negociações de propriedades privadas devem oferecer garantias voluntárias de que a autonomia moral e física dos envolvidos será protegida de qualquer ataque violento. Liberdade pessoal e liberdade econômica, por conseguinte, passariam a significar a mesma coisa.

Muitos afirmam que a natureza materialista do capitalismo é no mínimo amoral. Entretanto, é um equívoco estigmatizá-lo por ser muito preocupado com coisas materiais: são os indivíduos soberanos e desobrigados inseridos nele que decidem, por si mesmos, os objetivos a serem perseguidos. A liberdade, no final, carrega algumas sequelas desagradáveis.

Ver Todos os artigos de Alessandro Loiola