s
Artigos Café Brasil
Produtividade Antifrágil
Produtividade Antifrágil
PRODUTIVIDADE ANTIFRÁGIL vem para provocar você a rever ...

Ver mais

Cafezinho Live
Cafezinho Live
Luciano Pires, criador e apresentador dos podcasts Café ...

Ver mais

Me Engana Que Eu Gosto
Me Engana Que Eu Gosto
Me engana que eu gosto: dois meio brasis jamais somarão ...

Ver mais

Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando a hora do Podcast Café Brasil 700!

Ver mais

Café Brasil 726 – Gently Weeps
Café Brasil 726 – Gently Weeps
Olha, algumas canções são tão sagradas que eu me sinto ...

Ver mais

Café Brasil 725 – A revolução da mídia
Café Brasil 725 – A revolução da mídia
Estamos protagonizando uma revolução nas mídias, com ...

Ver mais

Café Brasil 724 – A Pátria dos bobos felizes
Café Brasil 724 – A Pátria dos bobos felizes
Nos últimos 100 anos, na Alemanha e nos EUA, o ...

Ver mais

Café Brasil 723 – O Paradoxo do Dadinho
Café Brasil 723 – O Paradoxo do Dadinho
Pois é... esta semana completo 64 anos de idade. ...

Ver mais

Comunicado sobre o LíderCast
Comunicado sobre o LíderCast
Em função da pandemia e quarentena, a temporada 16 do ...

Ver mais

LíderCast 204 – Marco Bianchi
LíderCast 204 – Marco Bianchi
Humorista, um dos criadores dos Sobrinhos do Athaíde, ...

Ver mais

LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
Empreendedor de Vitória, no Espírito Santo, que começa ...

Ver mais

LíderCast 202 – Richard Vasconcelos
LíderCast 202 – Richard Vasconcelos
Que está à frente da LEO Learning Brasil, uma empresa ...

Ver mais

Sobre Liberdade
Sobre Liberdade
Abri uma das aulas de meu curso Produtividade ...

Ver mais

Minuto da Produtividade 4 – Registre os pensamentos e ideias
Minuto da Produtividade 4 – Registre os pensamentos e ideias
A mente da gente é que nem o Windows; está agitando mas ...

Ver mais

Minuto da Produtividade 3 – Livre-se do lixo
Minuto da Produtividade 3 – Livre-se do lixo
Minuto da Produtividade 3 - Livre-se do lixo

Ver mais

Minuto da Produtividade 2 – Desenvolva sua própria pegada produtiva
Minuto da Produtividade 2 – Desenvolva sua própria pegada produtiva
Desenvolva a sua própria pegada produtiva!

Ver mais

Isolamento social, ideologia e privilégio de classe
Gustavo Bertoche
É preciso lançar pontes.
A linguagem é dialética. Para apreender toda a extensão do que é dito, é preciso captar não só o seu significado explícito, mas também o que se oculta. Todos sabemos: em período de pandemia, é ...

Ver mais

Polêmica indesejável
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Polêmica indesejável “Eu sou o que me cerca. Se eu não preservar o que me cerca, eu não me preservo.” José Ortega y Gasset A aprovação do marco regulatório do saneamento pelo Senado, no dia 24 de ...

Ver mais

O fenômeno da fraude acadêmica no Brasil
Gustavo Bertoche
É preciso lançar pontes.
Existe um fenômeno curioso na cultura brasileira: a falsificação de credenciais acadêmicas. A mentira do novo ex-ministro da Educação, Carlos Decotelli, que afirma ter concluído um doutorado que ...

Ver mais

Pandemia ou misantropia?
Filipe Aprigliano
Iscas do Apriga
Mais importante que defender a sua opinião, é defender o direito de livre expressão e escolha.

Ver mais

Cafezinho 298 – Jogando luz sobre a incerteza
Cafezinho 298 – Jogando luz sobre a incerteza
Os dias de incertezas que hoje vivemos, estão repletos ...

Ver mais

Cafezinho 297 – Empatia Positiva
Cafezinho 297 – Empatia Positiva
Empatia positiva. Saborear a sensação boa do outro não ...

Ver mais

Cafezinho 296 – Conhecimento ao seu alcance
Cafezinho 296 – Conhecimento ao seu alcance
Se você tem acesso a informações que outras pessoas não ...

Ver mais

Cafezinho 295 – O Domingão do Faustinho
Cafezinho 295 – O Domingão do Faustinho
Estamos assistindo a uma revolução na mídia, meus ...

Ver mais

Americanos

Americanos

Luciano Pires -

AMERICANOS

Luciano Pires

Quando fiz minha viagem ao Everest em 2001, encontrei gente de todo mundo. Numa das passagens de meu livro O MEU EVEREST, conto da experiência de ir conversar com duas mulheres que estavam próximas, observando os alpinistas que desciam da montanha.



Perguntei de onde elas eram. Eram duas barangas, cheias de pose que, como se eu as estivesse importunando, disseram: “América”.


É claro que eu sabia que elas queriam dizer Estados Unidos, mas tive vontade de dizer: “Eu também sou da América”. Afinal, quem deu a elas o direito de usar o nome do continente?


Elas são da América do Norte, eu sou do Sul. Mas somos todos da América.


…Metidas…


Acho que isso acontece com essa gente por causa de Cristóvão Colombo, que descobriu a América quando chegou nos Estados Unidos. Mas… Espera um pouco. Durante sua primeira viagem Colombo desembarcou apenas em São Salvador, Cuba e Haiti. Só desembarcou no continente em sua terceira expedição de 1498. E nem sei se foi nos Estados Unidos…


Portanto, quem devia reivindicar o nome América deveria ser Fidel Castro!


Pois esta semana recebi um e-mail de uma leitora que reclamava por eu ter chamado a Secretária de Estado Condoleezza Rice de “norte-americana”


“Como é que ficam os Canadenses? E os Mexicanos?”, disse a leitora.


É verdade! América do Norte são Canadá, Estados Unidos, México e Bahamas. Quem deu aos nativos dos Estados Unidos o direito de usar o nome do hemisfério junto ao do continente?


“Condoleezza é estadunidense”, disse minha leitora.


Claro!


Nasceu no Canadá, canadense. Nasceu no México, mexicano. Nas Bahamas, não tenho idéia. Mas nos Estados Unidos, estado – u-ni-den-se.


Tomei então uma decisão. Nunca mais me referirei aos estadunidenses como norte americanos. Ou americanos. Eles não têm esse direito.


Se insistirem, então me julgarei no direito de não usar mais “brasileiro” para designar minha origem. Vou usar sul americano. Ou melhor, vou usar “americano” também. E quero ver reclamarem!


Já pensou que chique? Eu lá na Holanda e a turma me perguntando de onde sou? Vou falar “América” de boca cheia. E só falo Brasil se pedirem pra detalhar, sabe como é…


Vou preparar imediatamente um projeto de lei e mandar pro Severino.


Quem sabe pego a próxima edição da Cartilha do Politicamente Correto.