s
Artigos Café Brasil
Nem tudo se desfaz
Nem tudo se desfaz
Vale muito a pena ver a história da qual somos ...

Ver mais

Henrique Viana
Henrique Viana
O convidado para o LíderCast desta vez é Henrique ...

Ver mais

Deduzir ou induzir
Deduzir ou induzir
Veja a quantidade de gente que induz coisas, ...

Ver mais

Origem da Covid – seguindo as pistas
Origem da Covid – seguindo as pistas
Tradução automática feita pelo Google, de artigo de ...

Ver mais

Café Brasil 793 – LíderCast Antônio Chaker
Café Brasil 793 – LíderCast Antônio Chaker
Hoje bato um papo com Antônio Chaker, que é o ...

Ver mais

Café Brasil 792 – Solte o belo!
Café Brasil 792 – Solte o belo!
A beleza existe? Ou é só coisa da nossa cabeça? E se ...

Ver mais

Café Brasil 791 – Tempo Perdido
Café Brasil 791 – Tempo Perdido
Você certamente já ouviu falar do Complexo de ...

Ver mais

Café Brasil 790 – Don´t be evil
Café Brasil 790 – Don´t be evil
Existe uma preocupação crescente sobre o nível de ...

Ver mais

Café Brasil 789 – LíderCast Osvaldo Pimentel – Monetizze
Café Brasil 789 – LíderCast Osvaldo Pimentel – Monetizze
Hoje bato um papo com Osvaldo Pimentel, CEO da ...

Ver mais

Café Brasil 785 – LíderCast Leandro Bueno
Café Brasil 785 – LíderCast Leandro Bueno
Sabe quem ajuda este programa chegar até você? É a ...

Ver mais

Café Brasil 775 – LíderCast Henrique Viana – Brasil Paralelo
Café Brasil 775 – LíderCast Henrique Viana – Brasil Paralelo
Um papo muito interessante com Henrique Viana, um jovem ...

Ver mais

Café Brasil 771 – LíderCast Aurelio Alfieri
Café Brasil 771 – LíderCast Aurelio Alfieri
Aurélio Alfieri é um educador físico e youtuber, ...

Ver mais

Café na Panela – Luciana Pires
Café na Panela – Luciana Pires
Episódio piloto do projeto Café na Panela, com Luciana ...

Ver mais

Sem treta
Sem treta
A pessoa diz que gosta, mas não compartilha.

Ver mais

O cachorro de cinco pernas
O cachorro de cinco pernas
Quantas pernas um cachorro tem se você chamar o rabo de ...

Ver mais

Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
A intolerância é muito maior na geração que mais teve ...

Ver mais

A aparente contradição entre desemprego e escassez de mão de obra
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Esclarecendo a aparente contradição entre desemprego e escassez de mão de obra “Antes, as habilidades não eram tão amplas. Hoje, o profissional precisa conhecer e estudar a fundo vários assuntos. ...

Ver mais

Pax Aeterna
Gustavo Bertoche
É preciso lançar pontes.
Maquiavel é, com alguma freqüência, considerado o primeiro cientista político moderno: nas suas análises, ele teria sido um dos primeiros a rejeitar tanto uma concepção metafísica da natureza ...

Ver mais

Trivium: Capítulo 4 – Regras de Definição (parte 5)
Alexandre Gomes
  Para cumprir a função de DEFINIÇÃO, esta deve atender alguns requisitos. Do contrário, será apenas enrolação ou retórica vazia. Os requisitos são: 1. CONVERSÍVEL em relação ao sujeito, à ...

Ver mais

O Brasil e o Dia do Professor
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
O Brasil e o Dia do Professor Aulinha de dois mil réis Apesar das frequentes notícias que vêm a público, dando conta do elevado grau de corrupção existente em nosso país, e da terrível ...

Ver mais

Cafezinho 432 – O vencedor
Cafezinho 432 – O vencedor
As pessoas não se importam com o que você diz, desde ...

Ver mais

Cafezinho 431 – Sobre Egosidade
Cafezinho 431 – Sobre Egosidade
Descobri o que acontece com aquela gente enfática, que ...

Ver mais

Cafezinho 430 – A desigualdade nossa de cada dia
Cafezinho 430 – A desigualdade nossa de cada dia
Gritaria ideológica em rede social, sustentada em ...

Ver mais

Cafezinho 429 – Minha tribo
Cafezinho 429 – Minha tribo
E no limite, a violência, o xingar, o ofender, o ...

Ver mais

Americanos

Americanos

Luciano Pires -

AMERICANOS

Luciano Pires

Quando fiz minha viagem ao Everest em 2001, encontrei gente de todo mundo. Numa das passagens de meu livro O MEU EVEREST, conto da experiência de ir conversar com duas mulheres que estavam próximas, observando os alpinistas que desciam da montanha.



Perguntei de onde elas eram. Eram duas barangas, cheias de pose que, como se eu as estivesse importunando, disseram: “América”.


É claro que eu sabia que elas queriam dizer Estados Unidos, mas tive vontade de dizer: “Eu também sou da América”. Afinal, quem deu a elas o direito de usar o nome do continente?


Elas são da América do Norte, eu sou do Sul. Mas somos todos da América.


…Metidas…


Acho que isso acontece com essa gente por causa de Cristóvão Colombo, que descobriu a América quando chegou nos Estados Unidos. Mas… Espera um pouco. Durante sua primeira viagem Colombo desembarcou apenas em São Salvador, Cuba e Haiti. Só desembarcou no continente em sua terceira expedição de 1498. E nem sei se foi nos Estados Unidos…


Portanto, quem devia reivindicar o nome América deveria ser Fidel Castro!


Pois esta semana recebi um e-mail de uma leitora que reclamava por eu ter chamado a Secretária de Estado Condoleezza Rice de “norte-americana”


“Como é que ficam os Canadenses? E os Mexicanos?”, disse a leitora.


É verdade! América do Norte são Canadá, Estados Unidos, México e Bahamas. Quem deu aos nativos dos Estados Unidos o direito de usar o nome do hemisfério junto ao do continente?


“Condoleezza é estadunidense”, disse minha leitora.


Claro!


Nasceu no Canadá, canadense. Nasceu no México, mexicano. Nas Bahamas, não tenho idéia. Mas nos Estados Unidos, estado – u-ni-den-se.


Tomei então uma decisão. Nunca mais me referirei aos estadunidenses como norte americanos. Ou americanos. Eles não têm esse direito.


Se insistirem, então me julgarei no direito de não usar mais “brasileiro” para designar minha origem. Vou usar sul americano. Ou melhor, vou usar “americano” também. E quero ver reclamarem!


Já pensou que chique? Eu lá na Holanda e a turma me perguntando de onde sou? Vou falar “América” de boca cheia. E só falo Brasil se pedirem pra detalhar, sabe como é…


Vou preparar imediatamente um projeto de lei e mandar pro Severino.


Quem sabe pego a próxima edição da Cartilha do Politicamente Correto.