Artigos Café Brasil
Produtividade Antifrágil
Produtividade Antifrágil
PRODUTIVIDADE ANTIFRÁGIL vem para provocar você a rever ...

Ver mais

Cafezinho Live
Cafezinho Live
Luciano Pires, criador e apresentador dos podcasts Café ...

Ver mais

Me Engana Que Eu Gosto
Me Engana Que Eu Gosto
Me engana que eu gosto: dois meio brasis jamais somarão ...

Ver mais

Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando a hora do Podcast Café Brasil 700!

Ver mais

Café Brasil 725 – A revolução da mídia
Café Brasil 725 – A revolução da mídia
Estamos protagonizando uma revolução nas mídias, com ...

Ver mais

Café Brasil 724 – A Pátria dos bobos felizes
Café Brasil 724 – A Pátria dos bobos felizes
Nos últimos 100 anos, na Alemanha e nos EUA, o ...

Ver mais

Café Brasil 723 – O Paradoxo do Dadinho
Café Brasil 723 – O Paradoxo do Dadinho
Pois é... esta semana completo 64 anos de idade. ...

Ver mais

Café Brasil 722 – O Poder do Mau
Café Brasil 722 – O Poder do Mau
Um Podcast Café Brasil com quase três horas de duração ...

Ver mais

Comunicado sobre o LíderCast
Comunicado sobre o LíderCast
Em função da pandemia e quarentena, a temporada 16 do ...

Ver mais

LíderCast 204 – Marco Bianchi
LíderCast 204 – Marco Bianchi
Humorista, um dos criadores dos Sobrinhos do Athaíde, ...

Ver mais

LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
Empreendedor de Vitória, no Espírito Santo, que começa ...

Ver mais

LíderCast 202 – Richard Vasconcelos
LíderCast 202 – Richard Vasconcelos
Que está à frente da LEO Learning Brasil, uma empresa ...

Ver mais

Sobre Liberdade
Sobre Liberdade
Abri uma das aulas de meu curso Produtividade ...

Ver mais

Minuto da Produtividade 4 – Registre os pensamentos e ideias
Minuto da Produtividade 4 – Registre os pensamentos e ideias
A mente da gente é que nem o Windows; está agitando mas ...

Ver mais

Minuto da Produtividade 3 – Livre-se do lixo
Minuto da Produtividade 3 – Livre-se do lixo
Minuto da Produtividade 3 - Livre-se do lixo

Ver mais

Minuto da Produtividade 2 – Desenvolva sua própria pegada produtiva
Minuto da Produtividade 2 – Desenvolva sua própria pegada produtiva
Desenvolva a sua própria pegada produtiva!

Ver mais

O fenômeno da fraude acadêmica no Brasil
Gustavo Bertoche
É preciso lançar pontes.
Existe um fenômeno curioso na cultura brasileira: a falsificação de credenciais acadêmicas. A mentira do novo ex-ministro da Educação, Carlos Decotelli, que afirma ter concluído um doutorado que ...

Ver mais

Pandemia ou misantropia?
Filipe Aprigliano
Iscas do Apriga
Mais importante que defender a sua opinião, é defender o direito de livre expressão e escolha.

Ver mais

Revisionismos e intolerância
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Revisionismos e intolerância “Sabemos que ninguém jamais toma o poder com a intenção de largá-lo. O poder não é um meio, é um fim em si. Não se estabelece uma ditadura com o fito de salvaguardar ...

Ver mais

Motivos de orgulho
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Motivos de orgulho Numa época repleta de dificuldades, pessimismo e más notícias como a que estamos vivendo em razão da pandemia de coronavírus e suas consequências sanitárias, econômicas, ...

Ver mais

Cafezinho 296 – Conhecimento ao seu alcance
Cafezinho 296 – Conhecimento ao seu alcance
Se você tem acesso a informações que outras pessoas não ...

Ver mais

Cafezinho 295 – O Domingão do Faustinho
Cafezinho 295 – O Domingão do Faustinho
Estamos assistindo a uma revolução na mídia, meus ...

Ver mais

Cafezinho 294 – Vem pra Confraria
Cafezinho 294 – Vem pra Confraria
Se você vê algum valor em nosso trabalho, acesse ...

Ver mais

Cafezinho 293 – Democracia da porta pra fora.
Cafezinho 293 – Democracia da porta pra fora.
Não coloque a distribuição do seu trabalho nas mãos das ...

Ver mais

Chucrute com banana

Chucrute com banana

Luciano Pires -

Fui gravar um episódio do podcast Café Brasil em uma produtora de áudio chamada Panela Produtora e conheci uma história fascinante. Para poder apreciar e se deleitar com ela, você terá que assistir aos curtos vídeos cujos links eu publicarei neste texto. Vamos a ela.

Por volta de 1980 meu amigo Janjão, brilhante técnico de som da Panela, gravou em Recife quatro discos com músicos de forró: Toinho de Alagoas, Heleno dos Oito Baixos, Duda da Passira e José Orlando. Embora tenham sido oferecidos a várias gravadoras, nenhuma se interessou pelo material que acabou, anos depois, nas mãos de um produtor inglês que conseguiu que um CD com uma compilação dos quatro trabalhos fosse lançado nos EUA. E o disco ficou, por apenas um ponto, em segundo lugar na disputa do Grammy Awards 1991 na categoria Traditional Folk, numa época em que ainda não havia o Grammy Latino, portanto a disputa era acirradíssima. Outra daquelas histórias bem típicas dos brasileiros, sabe como é?

Quase 25 anos depois, buscando no Youtube por Toinho das Alagoas, o Janjão chega a um curioso vídeo onde um alemão chamado Jan do Pandeiro toca e canta – em português – uma música de Toinho, o Bicho da Cara Preta. E Jan explica:

“Esta canção é um ‘forró’ de Toinho de Alagoas, Brasil. Tocada no cavaquinho sobre uma base que fiz. Não é uma forma tradicional de tocar forró, que precisa de sanfona, zabumba e triângulo. E evidentemente, uma voz melhor que a minha.”

Veja o vídeo:

Impressionado com o “swing” do alemão, Janjão mostrou o vídeo para Filipe Trielli, um dos donos da Panela Produtora, que decidiu fazer um trabalho de áudio e vídeo sobre o vídeo original. Convidaram músicos para participar e o resultado é irresistível:

 

Mas é então que vem a mágica, demonstrando como a música é linguagem universal e como a internet derrubou definitivamente as fronteiras. Janjão entrou em contato com o Jan do Pandeiro na Alemanha. A princípio assustado com a perspectiva de tomar um processo por violação de direitos autorais, o alemão ficou aliviado quando Janjão contou do vídeo e combinou que enviaria para que ele assistisse, com a condição de que Jan gravasse sua reação enquanto assistia. Veja o vídeo:

Agora coloque-se no lugar de Jan do Pandeiro. Imagine que você é um apaixonado pela música de uma cultura distante da sua e grava um vídeo despretensioso para o Youtube. O vídeo cai nas mãos de profissionais da música daquela cultura distante que ficam entusiasmados com seu esforço e, usando como base o seu trabalho, produzem algo muito maior.

Dá para imaginar o impacto?

Bem, eu me emocionei ao acompanhar a história com a turma da Panela, a ponto de escrever este texto para compartilhar com você um acontecimento que, no meio da enxurrada de más notícias, maus augúrios, intolerância e pessimismo destes dias, é um sopro de emoção.

Tomara que você se contamine.