s
Artigos Café Brasil
Cafezinho Live
Cafezinho Live
Luciano Pires, criador e apresentador dos podcasts Café ...

Ver mais

Me Engana Que Eu Gosto
Me Engana Que Eu Gosto
Me engana que eu gosto: dois meio brasis jamais somarão ...

Ver mais

Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando a hora do Podcast Café Brasil 700!

Ver mais

Aplicativos IOS e Android para o Café Brasil Premium!
Aplicativos IOS e Android para o Café Brasil Premium!
MUDANÇAS IMPORTANTES NO CAFÉ BRASIL PREMIUM A você que ...

Ver mais

Café Brasil 735 – Morrer de quê?
Café Brasil 735 – Morrer de quê?
Fala a verdade, quem é que não se pegou pensando sobre ...

Ver mais

Café Brasil 734 – Globalização e Globalismo
Café Brasil 734 – Globalização e Globalismo
Olha, vira e mexe a gente ouve falar em globalização e ...

Ver mais

Café Brasil 733 – Agro Resenha
Café Brasil 733 – Agro Resenha
O agronegócio, que talvez seja o mais espetacular caso ...

Ver mais

Café Brasil 732 – Os quatro Princípios da Objetividade
Café Brasil 732 – Os quatro Princípios da Objetividade
Que tempo de medos, não? Mas será um medo ...

Ver mais

Comunicado Café Brasil e Omnystudio
Comunicado Café Brasil e Omnystudio
Nos 14 anos em que produzimos podcasts, esta talvez ...

Ver mais

Comunicado sobre o LíderCast
Comunicado sobre o LíderCast
Em função da pandemia e quarentena, a temporada 16 do ...

Ver mais

LíderCast 204 – Marco Bianchi
LíderCast 204 – Marco Bianchi
Humorista, um dos criadores dos Sobrinhos do Athaíde, ...

Ver mais

LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
Empreendedor de Vitória, no Espírito Santo, que começa ...

Ver mais

Sem treta
Sem treta
A pessoa diz que gosta, mas não compartilha.

Ver mais

O cachorro de cinco pernas
O cachorro de cinco pernas
Quantas pernas um cachorro tem se você chamar o rabo de ...

Ver mais

Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
A intolerância é muito maior na geração que mais teve ...

Ver mais

Leitura cafezinho 303 – Cérebro médio
Leitura cafezinho 303 – Cérebro médio
Escolha um tema quente, dê sua opinião e em seguida ...

Ver mais

O boom no turismo regional no mundo pós-pandemia do coronavírus
Michel Torres
Estratégias para diferenciação e melhor aproveitamento da imensa demanda por hotéis e pousadas Um detalhe sobre a pandemia do coronavírus em curso é que as áreas com focos concentrados são ...

Ver mais

Boicote, Coelhinho?
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
O britânico Charles Cunningham entrou pra História de um jeito muito diferente. Em 1880, foi à Irlanda dirigir os negócios de um grande proprietário de terras local. Acabou entrando em desavenças ...

Ver mais

Aquém do potencial
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Aquém do potencial  “A economia está sujeita a conveniências políticas que a levaram por maus caminhos. Por isso enfatizo tanto a gravidade da situação, na esperança de levar seus responsáveis ao ...

Ver mais

Forjado na derrota
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Forjado na derrota “A um escritor, assim como a um armador, não era permitido sentir medo.” Pat Conroy Conversando por telefone com minha irmã, depois de meses sem nos vermos por ...

Ver mais

Cafezinho 317 – Declaração de Princípios
Cafezinho 317 – Declaração de Princípios
Quando decidi que lançaria meu primeiro curso on-line, ...

Ver mais

Cafezinho 316 – Não somos estúpidos
Cafezinho 316 – Não somos estúpidos
Não, não é para mergulhar no otimismo cego, que é tão ...

Ver mais

Cafezinho 315 – Como nasce uma palestra
Cafezinho 315 – Como nasce uma palestra
É exatamente como um pintor, um escultor, um músico ...

Ver mais

Cafezinho 314 – Punguistas intelectuais
Cafezinho 314 – Punguistas intelectuais
Ser capaz de detectar as merdades deveria ser a ...

Ver mais

O ridículo

O ridículo

Luciano Pires -

Assisti matérias nos telejornais sobre a situação no Espírito Santo.

Apareceram os policiais em greve dizendo que não podem sair do quartel porque a família não deixa. É ridículo.

Apareceu a informação de que eles estão há 3 anos sem nem mesmo reposição da inflação. Outras informações dizem que os policiais querem um reajuste de 43%, acumulado referente aos sete anos em que não há aumento. E um auxílio-alimentação de R$ 176. Ou R$ 8 por dia útil. É ridículo.

Mas apareceu um representante do governo dizendo que foram concedidos reajustes de 38,85% nos últimos 7 anos a todos os militares e a folha de pagamento da corporação teve um acréscimo de 46% nos últimos 5 anos. Um diz que teve aumento, outro disse que não. É ridículo.

Alguém falou do salário de um PM no Estado: R$ 2.643, sem qualquer benefício como vale-alimentação. Aí o representante do governo aparece para dizer que a remuneração inicial dos militares da categoria de soldado a subtenente é realmente de R$ 2.646,12, mas pode chegar a R$7.108,48.  Informações desencontradas sendo usadas como armas. É ridículo.

Apareceu um sujeito nervoso dizendo que a polícia militar não pode parar para reclamar seus direitos. Outro diz que só parando para poder reclamar seus direitos. E quem se ferra é o povo. É ridículo.

Apareceram um filósofo e um comediante para dizer que a solução é desmilitarizar a polícia. É ridículo.

Apareceu o governador, saído de uma cirurgia, perguntando onde é que vai arrumar dinheiro pra aumentar os PMs. É ridículo.

Antes um depoimento de uma dona de casa que está presa em seu apartamento, sem coragem de sair às ruas nem para comprar comida. Depois uma mãe mostrando os filhos pequenos presos em casa, pois as escolas estão fechadas. É ridículo.

Aí, imagens de saques, tiroteios e motoristas apavorados fugindo de bandidos pelas ruas do centro da cidade. É ridículo.

E outras imagens, mostrando que entre os saqueadores, muitos não são bandidos, mas “gente de bem”, que viu a bagunça e resolveu tirar sua casquinha. É ridículo.

Nas redes sociais, imagens chocantes de linchamentos de bandidos pela população. É ridículo.

Agora a informação de que a Polícia Civil também estaria entrando em greve. É ridículo.

E por fim, vários outros Estados já demonstram que estão em situação similar à do Espírito Santo, com possibilidade de que as greves se alastrem e os criminosos tomem conta. É ridículo.

Ridículo, ridículo, ridículo.

Isso tudo provocado pelas Câmaras, Senados, Presidentes, Governadores, Prefeitos e Vereadores que constituem esse Estado Brasileiro que é o melhor que nós, enquanto sociedade, conseguimos eleger.

Entendeu? Isso é o melhor que nós conseguimos fazer.

Ridículo.