s
Artigos Café Brasil
Nem tudo se desfaz
Nem tudo se desfaz
Vale muito a pena ver a história da qual somos ...

Ver mais

Henrique Viana
Henrique Viana
O convidado para o LíderCast desta vez é Henrique ...

Ver mais

Deduzir ou induzir
Deduzir ou induzir
Veja a quantidade de gente que induz coisas, ...

Ver mais

Origem da Covid – seguindo as pistas
Origem da Covid – seguindo as pistas
Tradução automática feita pelo Google, de artigo de ...

Ver mais

Café Brasil 792 – Solte o belo!
Café Brasil 792 – Solte o belo!
A beleza existe? Ou é só coisa da nossa cabeça? E se ...

Ver mais

Café Brasil 791 – Tempo Perdido
Café Brasil 791 – Tempo Perdido
Você certamente já ouviu falar do Complexo de ...

Ver mais

Café Brasil 790 – Don´t be evil
Café Brasil 790 – Don´t be evil
Existe uma preocupação crescente sobre o nível de ...

Ver mais

Café Brasil 789 – LíderCast Osvaldo Pimentel – Monetizze
Café Brasil 789 – LíderCast Osvaldo Pimentel – Monetizze
Hoje bato um papo com Osvaldo Pimentel, CEO da ...

Ver mais

Café Brasil 789 – LíderCast Osvaldo Pimentel – Monetizze
Café Brasil 789 – LíderCast Osvaldo Pimentel – Monetizze
Hoje bato um papo com Osvaldo Pimentel, CEO da ...

Ver mais

Café Brasil 785 – LíderCast Leandro Bueno
Café Brasil 785 – LíderCast Leandro Bueno
Sabe quem ajuda este programa chegar até você? É a ...

Ver mais

Café Brasil 775 – LíderCast Henrique Viana – Brasil Paralelo
Café Brasil 775 – LíderCast Henrique Viana – Brasil Paralelo
Um papo muito interessante com Henrique Viana, um jovem ...

Ver mais

Café Brasil 771 – LíderCast Aurelio Alfieri
Café Brasil 771 – LíderCast Aurelio Alfieri
Aurélio Alfieri é um educador físico e youtuber, ...

Ver mais

Café na Panela – Luciana Pires
Café na Panela – Luciana Pires
Episódio piloto do projeto Café na Panela, com Luciana ...

Ver mais

Sem treta
Sem treta
A pessoa diz que gosta, mas não compartilha.

Ver mais

O cachorro de cinco pernas
O cachorro de cinco pernas
Quantas pernas um cachorro tem se você chamar o rabo de ...

Ver mais

Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
A intolerância é muito maior na geração que mais teve ...

Ver mais

O Brasil e o Dia do Professor
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
O Brasil e o Dia do Professor Aulinha de dois mil réis Apesar das frequentes notícias que vêm a público, dando conta do elevado grau de corrupção existente em nosso país, e da terrível ...

Ver mais

Trivium: Capítulo 4 – Definição dos Termos (parte 4)
Alexandre Gomes
  Uma definição torna explícita a INTENSÃO* ou significado de um termo, a essência que este termo representa.   *  você deve ter estranhado a palavra INTENSÃO, imaginando que seria ...

Ver mais

Enquanto isso
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Em setembro do ano passado o STF julgou um processo muito interessante, sobre a propriedade do Palácio Guanabara, sede do governo do Estado do Rio de Janeiro. Foi decidido que o palácio pertence ...

Ver mais

Agronegócio, indústria e mudança de mindset
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Agronegócio, indústria e mudança de mindset “Quando adotamos um mindset, ingressamos num novo mundo. Num dos mundos – o das características fixas –, o sucesso consiste em provar que você é ...

Ver mais

Cafezinho 430 – A desigualdade nossa de cada dia
Cafezinho 430 – A desigualdade nossa de cada dia
Gritaria ideológica em rede social, sustentada em ...

Ver mais

Cafezinho 429 – Minha tribo
Cafezinho 429 – Minha tribo
E no limite, a violência, o xingar, o ofender, o ...

Ver mais

Cafezinho 428 – A cultura da reclamação
Cafezinho 428 – A cultura da reclamação
O ser humano, naturalmente, só confia em membros de sua ...

Ver mais

Cafezinho 427 – Política e histeria
Cafezinho 427 – Política e histeria
A histeria política é sintoma da perda total do ...

Ver mais

Sobre otários e sacanas

Sobre otários e sacanas

Luciano Pires -

Num período de 72 horas fui sacaneado pela Sky, VivoTv, Avianca e Nextel. Reclamei, liguei para os canais (in)competentes, passei horas ao telefone falando com atendentes que não tem como resolver os problemas, ouvi promessas que sabia que não seriam cumpridas e quando forcei a barra para que os atendentes dissessem claramente (para que ficasse gravado) as propostas indecentes que me fizeram, as ligações eram derrubadas, etc etc etc. Nada que você não conheça. O tempo passa, a Anatel, a Anvisa, a Infraero e o governo ameaçam endurecer, mas não adianta: no Brasil, todo consumidor é um otário.

A alternativa é não consumir os produtos das empresas que nos sacaneiam, não é? Bem, se você puder abrir mão, é uma boa saída, mas nem sempre isso é possível. No meu caso, por exemplo, telefonia celular e tv a cabo são ferramentas de trabalho das quais não posso prescindir. Então fico refém das empresas sacanas.

Existe uma diferença entre empresas incompetentes e empresas sacanas. As incompetentes são aquelas que são ruins por incapacidade técnica, equipes fracas e atendimento medíocre. Mas como só são ruins por incompetência, existe uma esperança de melhoria no futuro. Temos muitos exemplos de empresas que aprenderam com os erros e melhoraram com o tempo.

Já as sacanas, não melhoram. Sabem da incompetência e continuam medíocres. Mantém um atendimento péssimo enquanto gastam milhões nas propagandas que espalham promessas e criam expectativas. Pagam por processos que dificultam a vida de seus clientes. As sacanas marcam e não aparecem. Cancelam e não avisam. Vendem e não entregam. Deixam esperando na linha. Aumentam valores sem avisar. E por aí vai.

Mas empresas não podem ser sacanas. Só gente que pode. Empresas são sacanas quando tem lideranças sacanas, normalmente com MBAs, roupas bacanas e discursos cheios de palavras da moda. Gente que trata os problemas dos clientes como estatísticas e fica satisfeita com aquele 1% de reclamações, sem atentar que para o cliente que reclama a insatisfação é 100%.

Esses manés merecem nosso repúdio e indiferença. São eles – e não o atendente ignorante do 0800 ou a moça do balcão da cia aérea – a razão principal dos problemas.

Escolado, optei pelo bom humor. Fui sacaneado? Vou para as mídias sociais, crio imagens, publico comentários e aos poucos vou incomodando esses mastodontes. O Twitter é fantástico, algumas empresas sacanas monitoram e fazem contato imediatamente. O Linkedin é precioso para encontrar os líderes dessas empresas e fazer contato direto. E receber um comentário no Facebook como: “Eu estava prestes a fechar um negócio com essa empresa. Obrigado pelo alerta, não farei isso!”, não tem preço.

É minha vingança silenciosa: garanti um otário a menos para ser sacaneado.

Portanto, se você for sacaneado, não perca tempo brigando com aqueles pobres coitados dos atendentes. Procure o sacana.

Ele é o chefe.

Luciano Pires