Artigos Café Brasil
Produtividade Antifrágil
Produtividade Antifrágil
PRODUTIVIDADE ANTIFRÁGIL vem para provocar você a rever ...

Ver mais

Cafezinho Live
Cafezinho Live
Luciano Pires, criador e apresentador dos podcasts Café ...

Ver mais

Me Engana Que Eu Gosto
Me Engana Que Eu Gosto
Me engana que eu gosto: dois meio brasis jamais somarão ...

Ver mais

Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando a hora do Podcast Café Brasil 700!

Ver mais

Café Brasil 725 – A revolução da mídia
Café Brasil 725 – A revolução da mídia
Estamos protagonizando uma revolução nas mídias, com ...

Ver mais

Café Brasil 724 – A Pátria dos bobos felizes
Café Brasil 724 – A Pátria dos bobos felizes
Nos últimos 100 anos, na Alemanha e nos EUA, o ...

Ver mais

Café Brasil 723 – O Paradoxo do Dadinho
Café Brasil 723 – O Paradoxo do Dadinho
Pois é... esta semana completo 64 anos de idade. ...

Ver mais

Café Brasil 722 – O Poder do Mau
Café Brasil 722 – O Poder do Mau
Um Podcast Café Brasil com quase três horas de duração ...

Ver mais

Comunicado sobre o LíderCast
Comunicado sobre o LíderCast
Em função da pandemia e quarentena, a temporada 16 do ...

Ver mais

LíderCast 204 – Marco Bianchi
LíderCast 204 – Marco Bianchi
Humorista, um dos criadores dos Sobrinhos do Athaíde, ...

Ver mais

LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
Empreendedor de Vitória, no Espírito Santo, que começa ...

Ver mais

LíderCast 202 – Richard Vasconcelos
LíderCast 202 – Richard Vasconcelos
Que está à frente da LEO Learning Brasil, uma empresa ...

Ver mais

Sobre Liberdade
Sobre Liberdade
Abri uma das aulas de meu curso Produtividade ...

Ver mais

Minuto da Produtividade 4 – Registre os pensamentos e ideias
Minuto da Produtividade 4 – Registre os pensamentos e ideias
A mente da gente é que nem o Windows; está agitando mas ...

Ver mais

Minuto da Produtividade 3 – Livre-se do lixo
Minuto da Produtividade 3 – Livre-se do lixo
Minuto da Produtividade 3 - Livre-se do lixo

Ver mais

Minuto da Produtividade 2 – Desenvolva sua própria pegada produtiva
Minuto da Produtividade 2 – Desenvolva sua própria pegada produtiva
Desenvolva a sua própria pegada produtiva!

Ver mais

O fenômeno da fraude acadêmica no Brasil
Gustavo Bertoche
É preciso lançar pontes.
Existe um fenômeno curioso na cultura brasileira: a falsificação de credenciais acadêmicas. A mentira do novo ex-ministro da Educação, Carlos Decotelli, que afirma ter concluído um doutorado que ...

Ver mais

Pandemia ou misantropia?
Filipe Aprigliano
Iscas do Apriga
Mais importante que defender a sua opinião, é defender o direito de livre expressão e escolha.

Ver mais

Revisionismos e intolerância
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Revisionismos e intolerância “Sabemos que ninguém jamais toma o poder com a intenção de largá-lo. O poder não é um meio, é um fim em si. Não se estabelece uma ditadura com o fito de salvaguardar ...

Ver mais

Motivos de orgulho
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Motivos de orgulho Numa época repleta de dificuldades, pessimismo e más notícias como a que estamos vivendo em razão da pandemia de coronavírus e suas consequências sanitárias, econômicas, ...

Ver mais

Cafezinho 296 – Conhecimento ao seu alcance
Cafezinho 296 – Conhecimento ao seu alcance
Se você tem acesso a informações que outras pessoas não ...

Ver mais

Cafezinho 295 – O Domingão do Faustinho
Cafezinho 295 – O Domingão do Faustinho
Estamos assistindo a uma revolução na mídia, meus ...

Ver mais

Cafezinho 294 – Vem pra Confraria
Cafezinho 294 – Vem pra Confraria
Se você vê algum valor em nosso trabalho, acesse ...

Ver mais

Cafezinho 293 – Democracia da porta pra fora.
Cafezinho 293 – Democracia da porta pra fora.
Não coloque a distribuição do seu trabalho nas mãos das ...

Ver mais

Valores E Convicções

Valores E Convicções

Luciano Pires -

VALORES E CONVICÇÕES

Luciano Pires

Aquele depoimento da esposa do Marcos Valério foi chocante.
Principalmente quando os questionamentos colocavam nos holofotes a família dela e dele. Quando os filhos de ambos foram mencionados, pelo menos em minha cabeça, um drama se desenrolou.
Deixei de lado as razões sórdidas que colocaram tanto ele como ela na situação em que estão e examinei os acontecimentos com um pensamento humanitário, desprovido de julgamentos sobre o comportamento de corruptos e corruptores.
E foi impossível não comparar a família deles com a minha. Os laços de amor e amizade entre marido e mulher, pais e filhos. As conseqüências da exposição pública dos pais, nos filhos. A forma como a sociedade tratará essas crianças. Imaginei-as na escola… Primeiro sofrendo por causa do pai. E depois vendo a mãe chorando em rede nacional…
Senti pena daquelas crianças. E de todas as outras que serão atingidas nesse processo, que é duro mas necessário.
Lembrei-me de uma discussão sobre a questão dos valores pessoais e das convicções. O tema era a senadora Heloísa Helena, que estava prestes a ser expulsa do PT. Na época eu dizia que admirava os valores da senadora, mas tinha restrições às suas convicções.
Valores são ideais que guiam ou qualificam sua conduta pessoal, sua interação com os outros. Eles ajudam você a distinguir o que é certo do que é errado e a conduzir sua vida com propósito. A senadora manteve-se irredutível no questionamento daquilo que, conforme seus valores, julgava ser um comportamento errado. Foi expulsa e o tempo mostrou que ela estava coberta de razão. Compartilho seus valores e admiro sua fibra.
Convicções são crenças em alguma coisa sem necessidade de provas ou evidências. É aquilo que é aceito por uma pessoa como verdade. E a senadora, petista de primeira hora, era mais uma das raivosas vozes que combatia qualquer iniciativa do governo FHC, independente do mérito, em nome de convicções discutíveis. Foram essas convicções que atrasaram o Brasil em vários anos, que impediram a aprovação de leis e propostas importantes, que desdenharam de idéias que não combinavam com suas verdades.
Pois o que assistimos neste momento é uma revelação chocante envolvendo valores e convicções.
O PT eleito pelo voto direto de 53 milhões de brasileiros, trazia em seu programa valores fundamentais que lhe garantiram a imagem de partido ético, honesto, interessado no desenvolvimento do país, na defesa dos indefesos, na justiça social. Mas infelizmente, partidos são formados por pessoas. E o que se vê neste momento são pessoas para as quais valores éticos como honestidade, generosidade e respeito ao próximo, não são prioridades. Essa turma tem, no máximo, convicções. A principal delas, de que estariam acima da lei, acima do bem, acima do mal.
Coitados.
Convicções que não fundamentam-se em valores éticos são apenas bravatas.
E pobres dos que educam seus filhos com bravatas.