s
Portal Café Brasil
Encontro Roberto Motta e Luciano Pires
Encontro Roberto Motta e Luciano Pires
Roberto Motta e Luciano Pires numa manhã de conversas ...

Ver mais

Corrente pra trás
Corrente pra trás
O que vai a seguir é um capítulo de meu livro ...

Ver mais

O que é um “bom” número de downloads para podcasts?
O que é um “bom” número de downloads para podcasts?
A Omny Studio, plataforma global na qual publico meus ...

Ver mais

O campeão
O campeão
Morreu Zagallo. Morreu o futebol brasileiro que aprendi ...

Ver mais

Café Brasil 931 – Essa tal felicidade
Café Brasil 931 – Essa tal felicidade
A Declaração de Independência dos Estados Unidos foi um ...

Ver mais

Café Brasil 930 – A Escolha de Sofia
Café Brasil 930 – A Escolha de Sofia
Tomar decisões é uma parte essencial do dia a dia, ...

Ver mais

Café Brasil 929 – Desobediência Civil
Café Brasil 929 – Desobediência Civil
O livro "Desobediência Civil" de Henry David Thoreau é ...

Ver mais

Café Brasil 928 – Preguiça Intelectual
Café Brasil 928 – Preguiça Intelectual
Láááááááá em 2004 eu lancei meu livro Brasileiros ...

Ver mais

LíderCast 324 – Cristiano Corrêa
LíderCast 324 – Cristiano Corrêa
Hoje trazemos Cristiano Corrêa, um especialista no ...

Ver mais

LíderCast 323 – Sérgio Molina
LíderCast 323 – Sérgio Molina
O convidado de hoje é Sérgio Molina, – atual CEO do ...

Ver mais

LíderCast 322 – Rodrigo Rezende
LíderCast 322 – Rodrigo Rezende
Rodrigo Rezende, carioca, empreendedor raiz, um dos ...

Ver mais

LíderCast 321 – Rafael Cortez
LíderCast 321 – Rafael Cortez
Tá no ar o #LC321 O convidado de hoje é Rafael Cortez, ...

Ver mais

Segunda Live do Café Com Leite, com Alessandro Loiola
Segunda Live do Café Com Leite, com Alessandro Loiola
Segunda live do Café Com Leite, com Alessandro Loiola, ...

Ver mais

Live Café Com Leite com Roberto Motta
Live Café Com Leite com Roberto Motta
Live inaugural da série Café Com Leite Na Escola, ...

Ver mais

Café² – Live com Christian Gurtner
Café² – Live com Christian Gurtner
O Café², live eventual que faço com o Christian ...

Ver mais

Café na Panela – Luciana Pires
Café na Panela – Luciana Pires
Episódio piloto do projeto Café na Panela, com Luciana ...

Ver mais

Protagonismo das economias asiáticas
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Protagonismo das economias asiáticas   “Os eleitores da Índia − muitos deles pobres, com baixa escolaridade e vulneráveis, sendo que um em cada quatro é analfabeto − votaram a favor de ...

Ver mais

Criatividade, destruição criativa e inteligência artificial
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Criatividade, destruição criativa e inteligência artificial   “O capitalismo é, essencialmente, um processo de mudança econômica (endógena). O capitalismo só pode sobreviver na ...

Ver mais

Inteligência de mercado (Business intelligence)
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
A importância da inteligência de mercado[1] Considerações iniciais Este artigo tem por objetivo ressaltar a importância da inteligência de mercado no competitivo mundo contemporâneo, por se ...

Ver mais

Americanah
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Americanah   “O identitarismo tem duas dimensões, uma dimensão intelectual e uma dimensão política, que estão profundamente articuladas, integradas. A dimensão intelectual é resultado ...

Ver mais

Cafezinho 328 – Crimes de Honra
Cafezinho 328 – Crimes de Honra
A Corte Constitucional da França recentemente declarou ...

Ver mais

Cafezinho 627 – O Pum da Vaca
Cafezinho 627 – O Pum da Vaca
O físico Richard Feynman tem uma frase ótima: "A ...

Ver mais

Cafezinho 626 – A Globo já era?
Cafezinho 626 – A Globo já era?
A internet mudou tudo. Ela acabou com os ...

Ver mais

Cafezinho 625 – Fake news que matam
Cafezinho 625 – Fake news que matam
Há tempos eu digo que saímos da Sociedade da Informação ...

Ver mais

Café Com Leite 64 – Ganância e Ambição

Café Com Leite 64 – Ganância e Ambição

Luciano Pires -

Café Com Leite 64 – Ganância e Ambição

Bárbara: Babica, sabe que eu reparei uma coisa interessante em quase todas as histórias que nós contamos aqui no Café Com Leite?

Babica: O que, Bárbara?

Bárbara: A maioria delas tem a ver com ganância e ambição.

Babica: Ganância e ambição, mas não são a mesma coisa?

Bárbara: Não são, não. E é isso que vamos ver hoje. Meu nome Bárbara Stock e este é o Café Com Leite, um podcast para famílias com crianças inteligentes e para pais que se importam.

Babica: E eu sou a Babica, o avatar da Bárbara que vive dentro do celular dela! Também estarei aqui com você!

Bárbara: Babica, quem é o ouvinte de hoje?

Babica: Hoje são a Lara e o Daniel.

COMENTÁRIO DO OUVINTE

Babica: Oi Laraaaaaaaaaaaa! Oi Danieeeeeeeeeeeeeeellll! Nossa, eu fui ver onde fica a cidade de vocês, Trairi! Fica láááááááááá em cima no Brasil, no Ceará, perto de Fortaleza! Tem praias lindas!

Bárbara: Tem mesmo! Hummmmmm, já me deu vontade de passar uns dias aí! Tomando sol e água de côco!

Babica: Aiiiiiiiiiiiiiii!!!! Isso eu morro de vontade! Água de côco gelada na praia! É minha ambição!

Bárbara: Ahahahaha quem sabe um dia a gente não vai lá pra Trairi e encontra a Lara e o Daniel? Olha, vocês ganharam duas camisetas lindas, viu?

Babica: Beijooooossss!!! Entrem em contato conosco pra combinarmos o envio das camisetas. Muito obrigado pela mensagem!

E se você gostou do nosso Café com Leite, mande uma mensagem de voz para nós no whatsapp 11915670602. Se sua mensagem for escolhida, vamos publicá-la no próximo episódio e você ganhará uma camiseta muito legal!

____________________________________________________

Bárbara: Babica, ambição para muitas pessoas é uma palavra feia, negativa, sendo equivalente à ganância. Mas são coisas diferentes.

Babica: Mas o significado das duas é parecido, não é?

Bárbara: Olha, dá para confundir a gente, sim. Ganância é o desejo exagerado de alcançar um objetivo, seja pelo meio que for. Os fins justificam os meios, lembra disso?

Babica: Os fins justificam os meios, não é aquela frase que dizem que foi Maquiavel quem disse ou escreveu?

Bárbara: Aquela mesma, que não está em nenhuma obra de Maquiavel. Mas que é muito boa. Para se obter uma coisa, vale fazer qualquer coisa.

Babica: Isso é muito perigoso, Bárbara! Se vale qualquer coisa, as pessoas vão prejudicar umas às outras.

Bárbara: Isso mesmo. E é isso que está na alma da ganância: vale qualquer coisa para obter sempre mais.

Babica: Ter ganância é desejar muito?

Bárbara: Bota muito nisso. A ideia central da ganância é a vontade excessiva ou descontrolada por ter mais, muitas vezes riqueza e poder.

Babica: Entendi. Ganância é um desejo excessivo. Como o meu por sorvete de chocolate?

Bárbara: Ahahahahahahah nem tanto, seu desejo por sorvete de chocolate não é tããããããão excessivo… Você consegue viver sem ele, né?

Babica: Você que pensa (tristinha). E a ambição?

Bárbara: A ambição é o desejo intenso de alcançar um objetivo.

Babica: Ué? Não é a mesma coisa que ganância?

Babica: Não, Babica. Tem um detalhe aí. Ganância é o desejo excessivo. Ambição é o desejo intenso. Excessivo é muito, demais, em excesso. Intenso é algo que é forte. O que difere ganância de ambição são os limites de cada uma e a forma como se chega ao objetivo.

Babica: Me dá um exemplo?

Bárbara: Dou. Você assistiu Frozen?

Babica: Claro que sim!

Bárbara: Lembra do Príncipe Hans?

Babica: Claro que me lembro.

Bárbara: E qual era o objetivo dele?

Babica: Ah, ele queria se casar com a Anna, irmã mais nova da rainha Elsa de Arendelle, apenas para assumir o controle do reino.

Bárbara: Isso mesmo. E o que acontece com ele no filme?

Babica: Ai, Bárbara, se eu contar, vou estragar a surpresa de quem não assistiu!

Bárbara: Ah, mas você não quer que eu explique? Então conte!

Babica: Tá bem. No final do filme, o príncipe Hans revela seu verdadeiro caráter: ele não está interessado no bem-estar do povo de Arendelle, só quer se tornar rei. Ele tenta matar a rainha Elsa para virar rei.

Bárbara: Pronto. Ele não era apenas um ambicioso que queria poder, ele era um ganancioso, que faria tudo para conquistar o poder.

Babica: Até enganar e matar se fosse preciso!

Bárbara: Viu? Os meios…

Babica: …justificam os fins. Para conseguir seu fim, ser o rei todo poderoso de Arendelle, ele usaria qualquer meio. Até enganar e matar!

Bárbara: isso mesmo. Hans era um sujeito ganancioso!

Babica: Entendi.

Bárbara: O ganancioso só se importa com si mesmo e faz qualquer coisa para atingir seus objetivos, doa a quem doer. Você consegue lembrar de algum personagem assim?

Babica: O PInguim dos filmes do Batman!  Ele é ganancioso, quer assumir o controle de Gothan City! E faz qualquer coisa para isso!

Bárbara: Isso mesmo! Lembra do Abutre no filme do Homem Aranha?

Babica: Lembro! Mas e o ambicioso?

Bárbara: O ambicioso inclui em seus planos outras pessoas, age com generosidade e respeita quem está à sua volta. Quem tem ambição quer crescer, evoluir, progredir. Sem passar por cima dos outros.

Babica: Entendi! O ganancioso não inclui mais ninguém em seus planos. Quer tudo para ele e usa de qualquer meio para isso.

Bárbara: Ficou claro? Ter ambição equilibrada é bom. Ter ganância é ruim.

Babica: Claríssimo, Bárbara! Você é uma ótima professora!

Bárbara: Ah, eu tenho a ambição de ser uma grande contadora de histórias!

Babica: E eu de ser uma baterista de banda de rock!

Virada de bateria

Babica: Eu to pensando umas coisas aqui, Bárbara. Se ser ambicioso é tão importante, então andar com gente ambiciosa também deve ser!

Bárbara: Claro! Amigos ambiciosos contaminam a gente. Um namorado ambicioso, por exemplo, motiva a namorada a se mexer. E vice-versa. Ambição é fundamental, desde que não seja excessiva e se transforme em ganância.

Babica: E o que é que as pessoas bem sucedidas fazem para realizar suas ambições?

Bárbara:  Quem quer muito atingir um objetivo, sabe que terá de investir um bom tempo e esforços na busca desse objetivo. É óbvio.

Babica: Por exemplo, eu. Se meu objetivo é ser uma grande baterista de rock, vou ter de dedicar muito tempo estudando e praticando bateria, não é?

Bárbara: Isso mesmo. Já quem não tem ambição, desiste ao primeiro sinal de perigo. Ou quando os resultados não chegam imediatamente.

Babica: Ah, quase aconteceu comigo. Quando sentei na bateria e comecei a tocar da primeira vez, não saia nada! Eu quase desisti. Mas entendi que só praticando eu conseguiria ficar boa!

Bateria do rock da Babica

Bárbara: Ainda bem que você insistiu em vez de…

Babica: … procrastinar!

Bárbara: Ahahahaha eu sabia que você ia gostar dessa palavra. Por isso é importante não procrastinar, não inventar um monte de desculpas pra não fazer o que precisa ser feito. Você conhece gente assim?

Babica: Xi… um monte!

Bárbara: Eu também!

Babica: E a preguiça?

Xô preguiça trecho da musica do ratinho

Bárbara: Ah, a preguiça… ainda vamos fazer um episódio só sobre preguiça.

Babica: Ai, que preguiça!

Sobe a música

Bárbara: Ahahahahaha, vamos, preguiçosa, temos de continuar o episódio! Quem está motivado para atingir seus objetivos sabe que tem de se esforçar muito.

Babica: Os que só querem evitar as falhas acham que o sucesso não depende deles. Têm um monte de desculpas pra não fazer: Não tenho dinheiro, é longe demais, não tenho as ferramentas, meu chefe não deixa, é muito difícil e assim vai.

Bárbara: Quem está motivado para atingir seus objetivos vê os problemas como desafios a serem vencidos. E sente-se recompensado quando consegue realizar tarefas impossíveis.

Babica: Quem não está motivado só consegue ver conflitos e ameaças.

Bárbara: Quem está motivado para atingir seus objetivos sabe do esforço que é preciso para realizar as tarefas difíceis. Sabe que precisa de dedicação, concentração, comprometimento e envolvimento.

Babica: Assume o compromisso, né? E os não motivados acham que o esforço é demais, estressante.

Bárbara: Quem está motivado para atingir seus objetivos acredita que com a prática, as tentativas e os erros, vai evoluir em suas habilidades e demonstrar seu talento.

Babica: Os não motivados acham que só quem nasceu com talento pode realizar grandes feitos.

Bárbara: Por fim, quem está motivado para buscar seus objetivos sabe que é preciso continuar, mesmo diante dos obstáculos. Sabe que errar 10, 20, 100 vezes faz parte do jogo.

Babica: O não motivado diz: “É preciso saber quando desistir.” E larga tudo diante do primeiro obstáculo…

Bárbara: Muito bom, Babica, ficou claro para você que a ambição é necessária para quem quer voar mais alto? E que para realizar as ambições você tem que estar permanentemente motivada?

Babica: Ficou sim! Entendi direitinho a diferença entre ambição e ganância. Ser ambiciosa é bom. Gananciosa, não!

Bárbara: O que mais você aprendeu?

Babica: Que temos que definir uma data para nossas ambições, não precisa ser amanhã, pode ser daqui a 5, 10 ou 25 anos. Onde é que você vai querer estar? Eu já defini a minha: daqui a 5 anos quero estar tocando numa banda de rock!

Bárbara: Isso mesmo!

Babica: Mas acho que tem uma coisa que é a mais importante!

Bárbara: O quê?

Babica: Observar seu comportamento e o comportamento das pessoas em volta de você. Quem são os motivados e quem são os que só querem evitar os riscos e os preguiçosos. Quando você aprender a diferença poderá escolher andar com gente que quer fazer acontecer, não com preguiçosos ou medrosos!

Bárbara: Isso mesmo! Ai, Babica, estou animada com você!

Babica: Virada de bateria.

_________________________________________________

Bárbara: Não esqueça então: agora os assinantes do Café Com Leite recebem um conteúdo extra no final de cada episódio!

Babica: Isso mesmo! Pule pra dentro do Café Com Leite! Ajude a gente a continuar! No canalcafebrasil.com.br

Bárbara: Venha pro Clube Café Com Leite!

_______________________________________________________

Bárbara: Muito bem! Eu sou a Bárbara Stock…

Babica: E eu sou a Babica! O avatar de Bárbara que mora no celular dela.

Bárbara: somos suas companheiras neste Café Com Leite, que é feito com muito carinho pela turma do Podcast Café Brasil. A edição é do Senhor A e o texto e direção são do Luciano Pires.

E hoje como vamos encerrar o episódio?

Babica: Ah, vou com uma frase do livro Alice no País das Maravilhas

A única forma de chegar ao impossível é acreditar que é possível.