s
Portal Café Brasil
Nem tudo se desfaz
Nem tudo se desfaz
Vale muito a pena ver a história da qual somos ...

Ver mais

Henrique Viana
Henrique Viana
O convidado para o LíderCast desta vez é Henrique ...

Ver mais

Deduzir ou induzir
Deduzir ou induzir
Veja a quantidade de gente que induz coisas, ...

Ver mais

Origem da Covid – seguindo as pistas
Origem da Covid – seguindo as pistas
Tradução automática feita pelo Google, de artigo de ...

Ver mais

Café Brasil 797 – ‘Bora pra Retomada – com Lucia Helena Galvão
Café Brasil 797 – ‘Bora pra Retomada – com Lucia Helena Galvão
Tenho feito uma série de lives que chamei de ‘Bora pra ...

Ver mais

Café Brasil 796 – Maiorias Irrelevantes
Café Brasil 796 – Maiorias Irrelevantes
Outro daqueles acidentes estúpidos vitimou mais uma ...

Ver mais

Café Brasil 795 – A Black Friday
Café Brasil 795 – A Black Friday
Uma vez ouvi que a origem do apelido Black Friday seria ...

Ver mais

Café Brasil 794 – O Paradoxo da Tolerância
Café Brasil 794 – O Paradoxo da Tolerância
Eu acho que você concorda que para ter uma sociedade ...

Ver mais

Café Brasil 793 – LíderCast Antônio Chaker
Café Brasil 793 – LíderCast Antônio Chaker
Hoje bato um papo com Antônio Chaker, que é o ...

Ver mais

Café Brasil 789 – LíderCast Osvaldo Pimentel – Monetizze
Café Brasil 789 – LíderCast Osvaldo Pimentel – Monetizze
Hoje bato um papo com Osvaldo Pimentel, CEO da ...

Ver mais

Café Brasil 785 – LíderCast Leandro Bueno
Café Brasil 785 – LíderCast Leandro Bueno
Sabe quem ajuda este programa chegar até você? É a ...

Ver mais

Café Brasil 775 – LíderCast Henrique Viana – Brasil Paralelo
Café Brasil 775 – LíderCast Henrique Viana – Brasil Paralelo
Um papo muito interessante com Henrique Viana, um jovem ...

Ver mais

Café na Panela – Luciana Pires
Café na Panela – Luciana Pires
Episódio piloto do projeto Café na Panela, com Luciana ...

Ver mais

Sem treta
Sem treta
A pessoa diz que gosta, mas não compartilha.

Ver mais

O cachorro de cinco pernas
O cachorro de cinco pernas
Quantas pernas um cachorro tem se você chamar o rabo de ...

Ver mais

Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
A intolerância é muito maior na geração que mais teve ...

Ver mais

Quadrinhos em alta
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Quadrinhos em alta Apesar do início com publicações periódicas impressas para públicos específicos, as HQs não se limitam a atender às crianças. Há quadrinhos para adultos, de muita qualidade, em ...

Ver mais

Trivium: Capítulo 4 – Tipos e Regras de Divisão Lógica (parte 7)
Alexandre Gomes
Antes de tratar das regras da divisão lógica – pois pode parecer mais importante saber as regras de divisão que os tipos de divisão – será útil revisar alguns tópicos já tratados para ...

Ver mais

Simplificar é confundir
Gustavo Bertoche
É preciso lançar pontes.
Alexis de Tocqueville escreveu que “uma idéia falsa, mas clara e precisa, tem mais poder no mundo do que uma idéia verdadeira, mas complexa”.   Tocqueville estava certo. Em todos os ...

Ver mais

País de traficantes?
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Não é segredo que o consumo de drogas é problema endêmico no País, bem como o tráfico delas. O Brasil não apenas recebe toneladas de lixo aspirável ou injetável para consumo interno, como ainda ...

Ver mais

Cafezinho 441 – Qual cultura é melhor?
Cafezinho 441 – Qual cultura é melhor?
A baixa cultura faz crescer a bunda, melhorar o ...

Ver mais

Cafezinho 440 – Alta e baixa cultura
Cafezinho 440 – Alta e baixa cultura
Baixa cultura é aquela que me faz bater o pé, mexer a ...

Ver mais

Cafezinho 439 – O melhor investimento da Black Friday
Cafezinho 439 – O melhor investimento da Black Friday
Uma coisa é comprar um televisor. Outra é adquirir cultura!

Ver mais

Cafezinho 438 – O homem cordial
Cafezinho 438 – O homem cordial
Brasileiro Cordial é aquele que age conforme a emoção, ...

Ver mais

We will rock you

We will rock you

Luciano Pires -

alt

We Will Rock You (abreviado WWRY) é um musical de jukebox baseado nas canções da banda Queen e nomeado a partir do single homônimo. O musical foi escrito pelo comediante e autor inglês Ben Elton em parceria com os membros do Queen Brian May e Roger Taylor.

Em um futuro não muito distante, instrumentos musicais não existem e apenas a música eletrônica é ouvida por todos. Um jovem chamado Galileu carrega o rock na veia e decide lutar para que o estilo volte e as pessoas se libertem – e, claro, vai contar com a ajuda de uma garota e um grupo denominado The Bohemians. Essa trama simples é que move o musical “We Will Rock You”, em cartaz no Dominion Theatre, em Londres (Totteham Road Station).

Como o próprio nome já sugere, “We Will Rock You” possui 31 sucessos da banda inglesa Queen, comandada por Freddie Mercury. Em cartaz há nove anos, o musical encanta e emociona até mesmo os que não são fãs da banda, mas, no mínimo, curtem o bom e velho rock n roll. Com duas horas e meia, e um intervalo de 15 minutos, vemos uma grande produção que homenageia o rock, e até o pop, com referencias aos Beatles, aos Rolling Stones, à Take That – boy band liderada por Robbie Williams nos anos 90 – e até a Madonna.

Os atores conseguem atuar e cantar com desenvoltura, levando o publico ao delírio, principalmente em “Radio Gaga”, que abre o espetáculo, “I Want Break Free”, “We Are The Champions” e “Crazy Little Thing Called Love”.

Deve-se destacar Ricardo Afonso – ator português que protagoniza o show – e Sarah French, que faz o par romântico, que conseguem conduzir o espetáculo dosando muito bem os momentos de humor, romance e tensão. Além deles, Kevin Kennedy, que interpreta o velho Pop e é figura central na terça parte do espetáculo, e Rachel Johns, que vive a vilã e possui uma voz marcante.

A produção é um show à parte, com mudanças de cenários tão sutis que, quando nos damos conta, já estamos em outra cena, nos fazendo mergulhar no ambiente diegético. Uma banda acompanha o show e os atores realmente cantam, sem o uso de playback. O final é emocionante: após o agradecimento final dos atores, com o palco já vazio e o público em pé aplaudindo, surge um telão com a pergunta (fico arrepiado só de lembrar): “Vocês querem ouvir Bohemian Rhapsody, não é?”. O teatro vem abaixo e Ricardo Afonso volta com o resto do elenco para uma fantástica interpretação desse clássico do Queen.

http://pt.wikipedia.org/wiki/We_Will_Rock_You_(musical)

http://www.wewillrockyou.co.uk/ – em inglês

http://va.mu/VjQY – Musical We will rock you completa dez anos

[youtube]uRtI2PvVGj0[/youtube]
[youtube]-navk7fNN-Q[/youtube]
[youtube]HiLvBjAgYuA[/youtube]