s
Portal Café Brasil
O Lado Cheio
O Lado Cheio
Aqui é o lugar onde você encontrará análises sobre o ...

Ver mais

Pelé e os parasitas.
Pelé e os parasitas.
Meu herói está lá, a Copa de 1970 está lá, o futebol ...

Ver mais

Branding a preço de banana.
Branding a preço de banana.
Quanto vale o branding? Pelo que estou vendo acontecer ...

Ver mais

O Tigre Branco. Ou poderia ser Cidade de Budah…
O Tigre Branco. Ou poderia ser Cidade de Budah…
Um grande comentário sócio-político sobre a divisão em ...

Ver mais

Café Brasil 765 – Foxes and Fossils
Café Brasil 765 – Foxes and Fossils
 Você já sabe que a Perfetto patrocina o Café Brasil ...

Ver mais

Café Brasil 764 – LíderCast Live – Gastronomia Viva
Café Brasil 764 – LíderCast Live – Gastronomia Viva
Medidas restritivas desproporcionais impostas pelos ...

Ver mais

Café Brasil 763 – A Agro é pop?
Café Brasil 763 – A Agro é pop?
Você já sabe que a Perfetto patrocina o Café Brasil,  ...

Ver mais

Café Brasil 762 – LíderCast Alessandro Santana
Café Brasil 762 – LíderCast Alessandro Santana
Da mesma forma como o Youtube joga no colo da gente um ...

Ver mais

LíderCast 217 – Amyr Klink
LíderCast 217 – Amyr Klink
Meu nome é Amyr Klink, tenho 65 anos e eu construo viagens.

Ver mais

LíderCast 216 – Denise Pitta
LíderCast 216 – Denise Pitta
Empreendedora digital, dona do site Fashion Bubbles, ...

Ver mais

LíderCast 215 – Marco Antonio Villa
LíderCast 215 – Marco Antonio Villa
Historiador, professor, comentarista polêmico em rádio ...

Ver mais

LíderCast 214 – Bianca Oliveira
LíderCast 214 – Bianca Oliveira
Jornalista e apresentadora, hoje vivendo na Europa, ...

Ver mais

Sem treta
Sem treta
A pessoa diz que gosta, mas não compartilha.

Ver mais

O cachorro de cinco pernas
O cachorro de cinco pernas
Quantas pernas um cachorro tem se você chamar o rabo de ...

Ver mais

Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
A intolerância é muito maior na geração que mais teve ...

Ver mais

Leitura cafezinho 303 – Cérebro médio
Leitura cafezinho 303 – Cérebro médio
Escolha um tema quente, dê sua opinião e em seguida ...

Ver mais

John Williamson e o Consenso de Washington
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
John Williamson e o “Consenso de Washington” “O Consenso de Washington já foi “aquela babaquice” reproduzida por Marcos Lisboa no início do governo Lula, citando a famigerada entrevista de Maria ...

Ver mais

Comércio Eletrônico no Brasil e que fazer em 2021
Michel Torres
No início de abril passávamos pela primeira experiência de fechamento do comércio na maioria das cidades no Brasil em função da pandemia do COVID-19. Esse grande desafio global estava apenas ...

Ver mais

Três livros sobre corrupção e como combatê-la
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
A corrupção e o desafio de combatê-la em três livros “Ao contrário da maioria dos crimes violento ou passionais, a corrupção em larga escala é um crime absolutamente racional, baseado na análise ...

Ver mais

Richard Feynman desancando a universidade brasileira… de 1951
Gustavo Bertoche
É preciso lançar pontes.
Como acabar com o mito de que a educação brasileira dos anos 50 tinha boa qualidade…   Em 1951, o físico norte-americano Richard Feynman (que posteriormente ganharia o Nobel de Física) veio ...

Ver mais

Cafezinho 377 – Uma onda de crimes
Cafezinho 377 – Uma onda de crimes
“Notícia” é tudo aquilo que o jornalista ou editor ...

Ver mais

Cafezinho 376 – Amizades supérfluas
Cafezinho 376 – Amizades supérfluas
Não tenho tempo de vida para amizades supérfluas.

Ver mais

Cafezinho 375 – As Mídias E Eu
Cafezinho 375 – As Mídias E Eu
Dias 26, 27 e 28 de abril vai acontecer o DESAFIO AS ...

Ver mais

Cafezinho 374 – Amizades perdidas
Cafezinho 374 – Amizades perdidas
Não brigue com seu amigo por causa da política. Depois ...

Ver mais

Cafezinho 363 – Chapeuzinho Vermelho 4.0

Cafezinho 363 – Chapeuzinho Vermelho 4.0

Luciano Pires -

 

A vida toda conheci a história de Chapeuzinho Vermelho do ponto de vista de um narrador, no caso da versão clássica dos Irmãos Grimm, que botaram ordem nas informações, transformando-as numa história clássica. Eles escolheram os melhores ângulos e interpretações do ponto de vista deles, e assim nos encantaram com a menininha, a vovó, o caçador e o lobo mau. Mas o mundo mudou. Nos sentimos sonegados de uma parte da realidade, ao nos depararmos com a visão de um narrador só.

Como num grande Big Brother Brasil, estamos em busca da ação sob ângulos diversos e, teoricamente sem edição. Assim imaginamos que seja possível assistir além da narrativa e da manipulação de alguém.

Como seria Chapeuzinho Vermelho do ponto de vista da menina? Da Vovó? Do Caçador? E por fim, do Lobo? Seria a mesma história? Quem seria o vilão? Quais os motivos de cada um? Quem estaria certo?

Chapeuzinho Vermelho com as imagens capturadas pelas câmeras do narrador, da menina, da vovó, do caçador e do lobo mau, localizados em pontos distintos ao longo da trama. Essas imagens brutas iriam ao ar ao mesmo tempo e caberia ao telespectador montar a narrativa que lhe interessasse. Material extremamente rico em conteúdo, mas… sem ritmo.

Tem gente que aposta que esse é o futuro da imprensa. Eu vou esperar para ver. Acho que, até por um problema de capacidade mental, sempre precisaremos de alguém que nos conduza pela narrativa, apontando os detalhes que não conseguimos enxergar, ligando pontos e ajudando a entender a realidade.

O problema é que os narradores atuais têm feito um serviço de porco. Ou de lobo. Em vez de ajudar a entender a realidade, nos deixam desconfiados, bombardeados por suas mentiras, ideias românticas e promessas do paraíso.

Tome cuidado com os narradores que você escolhe.

No Chapeuzinho Vermelho 4.0, tá cheio de lobo se fingindo de menininha pra comer a vovó.

 

 

Versão no Youtube: https://youtu.be/99KMJLV_TqY

 

Este cafezinho chega a você com apoio do Cafebrasilpremium.com.br, conteúdo extraforte para seu crescimento profissional.

A versão completa deste vídeo é exclusiva para assinantes do Café Brasil. Saiba como assinar em http://confraria.cafe​.