Iscas Intelectuais
Produtividade Antifrágil
Produtividade Antifrágil
PRODUTIVIDADE ANTIFRÁGIL vem para provocar você a rever ...

Ver mais

Cafezinho Live
Cafezinho Live
Luciano Pires, criador e apresentador dos podcasts Café ...

Ver mais

Me Engana Que Eu Gosto
Me Engana Que Eu Gosto
Me engana que eu gosto: dois meio brasis jamais somarão ...

Ver mais

Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando a hora do Podcast Café Brasil 700!

Ver mais

Café Brasil 724 – A Pátria dos bobos felizes
Café Brasil 724 – A Pátria dos bobos felizes
Nos últimos 100 anos, na Alemanha e nos EUA, o ...

Ver mais

Café Brasil 723 – O Paradoxo do Dadinho
Café Brasil 723 – O Paradoxo do Dadinho
Pois é... esta semana completo 64 anos de idade. ...

Ver mais

Café Brasil 722 – O Poder do Mau
Café Brasil 722 – O Poder do Mau
Um Podcast Café Brasil com quase três horas de duração ...

Ver mais

Café Brasil 721 – Lake Street Dive
Café Brasil 721 – Lake Street Dive
Olha, os dias andam um saco! Todo mundo nervoso, ...

Ver mais

Comunicado sobre o LíderCast
Comunicado sobre o LíderCast
Em função da pandemia e quarentena, a temporada 16 do ...

Ver mais

LíderCast 204 – Marco Bianchi
LíderCast 204 – Marco Bianchi
Humorista, um dos criadores dos Sobrinhos do Athaíde, ...

Ver mais

LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
Empreendedor de Vitória, no Espírito Santo, que começa ...

Ver mais

LíderCast 202 – Richard Vasconcelos
LíderCast 202 – Richard Vasconcelos
Que está à frente da LEO Learning Brasil, uma empresa ...

Ver mais

Sobre Liberdade
Sobre Liberdade
Abri uma das aulas de meu curso Produtividade ...

Ver mais

Minuto da Produtividade 4 – Registre os pensamentos e ideias
Minuto da Produtividade 4 – Registre os pensamentos e ideias
A mente da gente é que nem o Windows; está agitando mas ...

Ver mais

Minuto da Produtividade 3 – Livre-se do lixo
Minuto da Produtividade 3 – Livre-se do lixo
Minuto da Produtividade 3 - Livre-se do lixo

Ver mais

Minuto da Produtividade 2 – Desenvolva sua própria pegada produtiva
Minuto da Produtividade 2 – Desenvolva sua própria pegada produtiva
Desenvolva a sua própria pegada produtiva!

Ver mais

Revisionismos e intolerância
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Revisionismos e intolerância “Sabemos que ninguém jamais toma o poder com a intenção de largá-lo. O poder não é um meio, é um fim em si. Não se estabelece uma ditadura com o fito de salvaguardar ...

Ver mais

Motivos de orgulho
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Motivos de orgulho Numa época repleta de dificuldades, pessimismo e más notícias como a que estamos vivendo em razão da pandemia de coronavírus e suas consequências sanitárias, econômicas, ...

Ver mais

5 ações de marketing para ajudar a superar a crise do coronavírus
Michel Torres
Negócios em todo o mundo estão sentindo os efeitos da pandemia: menos clientes, menor receita e o medo de não ter condições de aguentar esse tempo de prejuízo. Precisamos salvaguardar a saúde e o ...

Ver mais

Brasis
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Brasis  “Quanto tempo um homem deve virar a cabeça, fingindo não ver o que está vendo?” Bob Dylan Minha primeira lembrança pra valer do que vou focalizar neste artigo é de quando li Os dos ...

Ver mais

Cafezinho 294 – Vem pra Confraria
Cafezinho 294 – Vem pra Confraria
Se você vê algum valor em nosso trabalho, acesse ...

Ver mais

Cafezinho 293 – Democracia da porta pra fora.
Cafezinho 293 – Democracia da porta pra fora.
Não coloque a distribuição do seu trabalho nas mãos das ...

Ver mais

Cafezinho 292 – A bunda da Daniele
Cafezinho 292 – A bunda da Daniele
Qual janela você escolheu para ver o mundo?

Ver mais

Cafezinho 291 – Indignite
Cafezinho 291 – Indignite
- Tão pagando bem! Faz o seu e fica quieto!

Ver mais

De Marceline para o mundo

De Marceline para o mundo

Luiz Alberto Machado - Iscas Econômicas -

De Marceline para o mundo

 Encantamento como objetivo

 Capa_Marceline_FINAL.indd

“Gosto do impossível porque lá a concorrência é menor”.

Walt Disney

O título deste artigo integra o título completo de um livro lançado em 2016 pela Editora Senac, que conta a história de um dos maiores ícones do mundo do entretenimento.

Walt Disney: de Marceline para o mundo – o palco de sonhos, este o título completo, foi escrito por um empresário brasileiro que atua no ramo da educação corporativa, onde aplica muitos dos ensinamentos adquiridos nos anos em que trabalhou no Grupo Disney, no qual chegou, inclusive, a ser professor regular da Disney University, além de ministrar palestras no Disney Institute.

Embora o autor, Claudemir Oliveira, afirme não se tratar de uma biografia de Walt Disney – por existirem disponíveis algumas bem mais completas –, a leitura do livro permite ter uma boa noção da trajetória pessoal de Disney.

O que o autor afirma pretender, obtendo pleno êxito em sua pretensão, é mostrar como se deu a construção de um dos mais bem sucedidos grupos empresariais de todo o mundo, chamando atenção para as enormes dificuldades enfrentadas ao longo dessa trajetória.

A Marceline do título é o nome de uma pequena cidade norte-americana, próxima de Kansas City, na qual Walt Disney viveu por cinco anos na sua infância. Esses anos são considerados por Walt Disney como os mais felizes de sua vida, razão pela qual ele se utilizou de lembranças dessa época e partes da cidade como inspiração para várias atrações de seus parques temáticos.

Mesmo se declarando ardoroso admirador de Walt Disney, o autor tem o grande mérito de não se limitar a indicar apenas os aspectos favoráveis da personalidade de Disney, mencionando também alguns traços questionáveis e dificuldades que ele possuía, como, por exemplo, o de fazer elogios públicos a seus colaboradores.

Dos inúmeros pontos que me agradaram no livro, gostaria de encerrar este pequeno artigo mencionando três deles: o primeiro diz respeito à obsessão de Walt Disney com a busca da perfeição em todos os seus projetos, começando pela produção de seus filmes e chegando à construção e manutenção dos parques e hotéis; o segundo reside na sua capacidade de ser criativo, mesmo que para isso fosse necessário correr riscos na busca do aparentemente impossível; o terceiro, por fim, refere-se a seu incrível poder de antecipação, pois teve a clara percepção – que muitos não têm até hoje – de que o objetivo a ser buscado por qualquer empresa não deve se limitar a oferecer bens ou serviços de qualidade para atender as expectativas de seus clientes, mas sim de superá-las.

A meu juízo, isso implica em “encantar” os clientes, única forma de garantir a fidelização dos mesmos num mundo altamente competitivo. De minha parte, sendo bastante rigoroso, quando penso em produtos ou marcas que têm esse poder de me encantar, apenas dois me vêm imediatamente à cabeça, o Cirque du Soleil e o mundo de sonhos criado por Walt Disney.

Ver Todos os artigos de Luiz Alberto Machado