s
Iscas Intelectuais
O Lado Cheio
O Lado Cheio
Aqui é o lugar onde você encontrará análises sobre o ...

Ver mais

Pelé e os parasitas.
Pelé e os parasitas.
Meu herói está lá, a Copa de 1970 está lá, o futebol ...

Ver mais

Branding a preço de banana.
Branding a preço de banana.
Quanto vale o branding? Pelo que estou vendo acontecer ...

Ver mais

O Tigre Branco. Ou poderia ser Cidade de Budah…
O Tigre Branco. Ou poderia ser Cidade de Budah…
Um grande comentário sócio-político sobre a divisão em ...

Ver mais

Café Brasil 765 – Foxes and Fossils
Café Brasil 765 – Foxes and Fossils
 Você já sabe que a Perfetto patrocina o Café Brasil ...

Ver mais

Café Brasil 764 – LíderCast Live – Gastronomia Viva
Café Brasil 764 – LíderCast Live – Gastronomia Viva
Medidas restritivas desproporcionais impostas pelos ...

Ver mais

Café Brasil 763 – A Agro é pop?
Café Brasil 763 – A Agro é pop?
Você já sabe que a Perfetto patrocina o Café Brasil,  ...

Ver mais

Café Brasil 762 – LíderCast Alessandro Santana
Café Brasil 762 – LíderCast Alessandro Santana
Da mesma forma como o Youtube joga no colo da gente um ...

Ver mais

LíderCast 217 – Amyr Klink
LíderCast 217 – Amyr Klink
Meu nome é Amyr Klink, tenho 65 anos e eu construo viagens.

Ver mais

LíderCast 216 – Denise Pitta
LíderCast 216 – Denise Pitta
Empreendedora digital, dona do site Fashion Bubbles, ...

Ver mais

LíderCast 215 – Marco Antonio Villa
LíderCast 215 – Marco Antonio Villa
Historiador, professor, comentarista polêmico em rádio ...

Ver mais

LíderCast 214 – Bianca Oliveira
LíderCast 214 – Bianca Oliveira
Jornalista e apresentadora, hoje vivendo na Europa, ...

Ver mais

Sem treta
Sem treta
A pessoa diz que gosta, mas não compartilha.

Ver mais

O cachorro de cinco pernas
O cachorro de cinco pernas
Quantas pernas um cachorro tem se você chamar o rabo de ...

Ver mais

Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
A intolerância é muito maior na geração que mais teve ...

Ver mais

Leitura cafezinho 303 – Cérebro médio
Leitura cafezinho 303 – Cérebro médio
Escolha um tema quente, dê sua opinião e em seguida ...

Ver mais

John Williamson e o Consenso de Washington
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
John Williamson e o “Consenso de Washington” “O Consenso de Washington já foi “aquela babaquice” reproduzida por Marcos Lisboa no início do governo Lula, citando a famigerada entrevista de Maria ...

Ver mais

Comércio Eletrônico no Brasil e que fazer em 2021
Michel Torres
No início de abril passávamos pela primeira experiência de fechamento do comércio na maioria das cidades no Brasil em função da pandemia do COVID-19. Esse grande desafio global estava apenas ...

Ver mais

Três livros sobre corrupção e como combatê-la
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
A corrupção e o desafio de combatê-la em três livros “Ao contrário da maioria dos crimes violento ou passionais, a corrupção em larga escala é um crime absolutamente racional, baseado na análise ...

Ver mais

Richard Feynman desancando a universidade brasileira… de 1951
Gustavo Bertoche
É preciso lançar pontes.
Como acabar com o mito de que a educação brasileira dos anos 50 tinha boa qualidade…   Em 1951, o físico norte-americano Richard Feynman (que posteriormente ganharia o Nobel de Física) veio ...

Ver mais

Cafezinho 377 – Uma onda de crimes
Cafezinho 377 – Uma onda de crimes
“Notícia” é tudo aquilo que o jornalista ou editor ...

Ver mais

Cafezinho 376 – Amizades supérfluas
Cafezinho 376 – Amizades supérfluas
Não tenho tempo de vida para amizades supérfluas.

Ver mais

Cafezinho 375 – As Mídias E Eu
Cafezinho 375 – As Mídias E Eu
Dias 26, 27 e 28 de abril vai acontecer o DESAFIO AS ...

Ver mais

Cafezinho 374 – Amizades perdidas
Cafezinho 374 – Amizades perdidas
Não brigue com seu amigo por causa da política. Depois ...

Ver mais

Exemplos positivos da sociedade

Exemplos positivos da sociedade

Luiz Alberto Machado - Iscas Econômicas -

Exemplos positivos da sociedade

O início do outono foi marcado pela publicação de dois documentos apresentados por diferentes segmentos da sociedade com considerações críticas e sugestões para o enfrentamento da difícil situação vivida pelo País.

Um dos documentos, apresentado na forma de Carta Aberta à Sociedade Referente a Medidas de Combate à Pandemia, que se tornou conhecido como Carta dos Economistas, tem por título “O País Exige Respeito; a Vida Necessita da Ciência e do Bom Governo”. Conta com 500 assinaturas (de economistas na sua esmagadora maioria, entre os quais ex-ocupantes de cargos de primeiro escalão como Pedro Malan, Rubens Ricupero, Armínio Fraga, Maílson da Nóbrega, Pérsio Arida, Affonso Celso Pastore, Edmar Bacha e Elena Landau) e pode ser lido na íntegra em file:///C:/Users/Dell/Downloads/2509996288-carta-aberta-medidas-de-combate-a-pandemia-28com-assinaturas-29.pdf.

O outro documento foi apresentado pelo Movimento Convergência Brasil, que foi criado no final de 2020 contando com destacados empresários brasileiros, entre os quais Maria Luiza Trajano (Magazine Luiza), Jorge Gerdau Johannpeter (Grupo Gerdau), Hélio Magalhães, ex-presidente do Citi e presidente do conselho de administração do Banco do Brasil, Helena Nader, vice-presidente da Academia Brasileira de Ciências, Paulo Hartung, ex-governador do Espírito Santo, e Fabio Barbosa, membro do Conselho das Nações Unidas.  O documento propõe um programa de renda mínima com recursos provenientes de privatizações e de economias decorrentes da reforma administrativa, na qual merece destaque a ideia de acabar com “penduricalhos” em salários do serviço público. Pela proposta, 30% das receitas obtidas seriam colocadas em um fundo financeiro administrado pelo BNDES. Mais informações estão disponíveis em https://economia.estadao.com.br/noticias/geral,empresarios-articulam-proposta-para-programa-de-renda-basica-no-pais,70003655453.

Gostaria, em primeiro lugar, de salientar a importância das duas iniciativas, pois as contribuições dos diversos segmentos da sociedade são fundamentais para o aperfeiçoamento das instituições e para o amadurecimento da nossa democracia.

Depois de examinar os dois documentos, fiquei com a sensação de que o do Movimento Convergência Brasil é mais realista e aponta para soluções que demandam a participação de diversos segmentos da sociedade, quer do setor público (e não só do Executivo), quer do setor privado. Já o dos economistas atribui toda a responsabilidade pela situação atual ao governo federal, o que, a meu juízo, transforma-o num documento mais limitado e até tendencioso. Embora concorde que o presidente Bolsonaro tem sido pródigo em ações que beiram à irresponsabilidade, não considero adequado atribuir a ele toda a responsabilidade pela situação.

Fazendo coro ao jornalista William Waack, espero que essas manifestações de empresários e de economistas sejam vistas como alertas ao governo, que muitas vezes parece viver numa realidade paralela, e não como ameaças ou tentativas de desestabilização.

Ver Todos os artigos de Luiz Alberto Machado