s
Iscas Intelectuais
Corrente pra trás
Corrente pra trás
O que vai a seguir é um capítulo de meu livro ...

Ver mais

O que é um “bom” número de downloads para podcasts?
O que é um “bom” número de downloads para podcasts?
A Omny Studio, plataforma global na qual publico meus ...

Ver mais

O campeão
O campeão
Morreu Zagallo. Morreu o futebol brasileiro que aprendi ...

Ver mais

O potencial dos microinfluenciadores
O potencial dos microinfluenciadores
O potencial das personalidades digitais para as marcas ...

Ver mais

Café Brasil 935 – O que faz a sua cabeça?
Café Brasil 935 – O que faz a sua cabeça?
É improvável – embora não impossível – que os ...

Ver mais

Café Brasil 934  – A Arte de Viver
Café Brasil 934  – A Arte de Viver
Durante o mais recente encontro do meu Mastermind MLA – ...

Ver mais

Café Brasil 933 – A ilusão de transparência
Café Brasil 933 – A ilusão de transparência
A ilusão de transparência é uma armadilha comum em que ...

Ver mais

Café Brasil 932 – Não se renda
Café Brasil 932 – Não se renda
Em "Star Wars: Episódio III - A Vingança dos Sith", ...

Ver mais

LíderCast 329 – Bruno Gonçalves
LíderCast 329 – Bruno Gonçalves
O convidado de hoje é Bruno Gonçalves, um profissional ...

Ver mais

LíderCast 328 – Criss Paiva
LíderCast 328 – Criss Paiva
A convidada de hoje é a Criss Paiva, professora, ...

Ver mais

LíderCast 327 – Pedro Cucco
LíderCast 327 – Pedro Cucco
327 – O convidado de hoje é Pedro Cucco, Diretor na ...

Ver mais

LíderCast 326 – Yuri Trafane
LíderCast 326 – Yuri Trafane
O convidado de hoje é Yuri Trafane, sócio da Ynner ...

Ver mais

Segunda Live do Café Com Leite, com Alessandro Loiola
Segunda Live do Café Com Leite, com Alessandro Loiola
Segunda live do Café Com Leite, com Alessandro Loiola, ...

Ver mais

Live Café Com Leite com Roberto Motta
Live Café Com Leite com Roberto Motta
Live inaugural da série Café Com Leite Na Escola, ...

Ver mais

Café² – Live com Christian Gurtner
Café² – Live com Christian Gurtner
O Café², live eventual que faço com o Christian ...

Ver mais

Café na Panela – Luciana Pires
Café na Panela – Luciana Pires
Episódio piloto do projeto Café na Panela, com Luciana ...

Ver mais

Rubens Ricupero
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Memórias de um grande protagonista   “Sem as cartas, não seríamos capazes de imaginar o fervor com que sentíamos e pensávamos aos vinte anos. Já quase não se escrevem mais cartas de amor, ...

Ver mais

Vida longa ao Real!
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Vida longa ao Real!   “A população percebe que é a obrigação de um governo e é um direito do cidadão a preservação do poder de compra da sua renda. E é um dever e uma obrigação do ...

Ver mais

A Lei de Say e a situação fiscal no Brasil
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
A Lei de Say e o preocupante quadro fiscal brasileiro   “Uma das medidas essenciais para tirar o governo da rota do endividamento insustentável é a revisão das vinculações de despesas ...

Ver mais

Protagonismo das economias asiáticas
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Protagonismo das economias asiáticas   “Os eleitores da Índia − muitos deles pobres, com baixa escolaridade e vulneráveis, sendo que um em cada quatro é analfabeto − votaram a favor de ...

Ver mais

Cafezinho 633 – O Debate
Cafezinho 633 – O Debate
A partir do primeiro debate entre Trump e Biden em ...

Ver mais

Cafezinho 632 – A quilha moral
Cafezinho 632 – A quilha moral
Sua identidade não vem de suas afiliações, ou de seus ...

Ver mais

Cafezinho 631 – Quem ousa mudar?
Cafezinho 631 – Quem ousa mudar?
O episódio de hoje foi inspirado num comentário que um ...

Ver mais

Cafezinho 630 – Medo da morte
Cafezinho 630 – Medo da morte
Na reunião do meu Mastermind na semana passada, a ...

Ver mais

Percepções diferentes na macro e na microeconomia

Percepções diferentes na macro e na microeconomia

Luiz Alberto Machado - Iscas Econômicas -

Percepções diferentes na macro e na microeconomia

“Na economia, esperança e fé coexistem com grande pretensão científica e também um desejo profundo de respeitabilidade.”

John Kenneth Galbraith

Para poder exercer atividades relacionadas à assessoria e/ou consultoria econômica, preciso estar atento aos acontecimentos e colher o maior número possível de informações provenientes de fontes confiáveis, para, então, interpretá-las e, dependendo do caso, elaborar análises ou construir cenários.

Nesse sentido, chama atenção a diferença observada atualmente entre as perspectivas da macroeconomia, que trabalha com dados agregados, e da microeconomia, mais voltada para questões setoriais.

Na macroeconomia constata-se clara mudança a partir de julho, com a substituição de uma visão otimista prevalecente durante o primeiro semestre por uma visão mais pessimista, como demonstram os dados das sucessivas edições do Relatório Focus, divulgadas às segundas-feiras pelo Banco Central, contendo as previsões dos agentes do mercado financeiro.

No que se refere ao Produto Interno Bruto, depois de uma série de previsões de crescimento robusto (mesmo considerando o efeito estatístico decorrente do mau desempenho de 2020), observa-se progressiva redução. Já no que se refere à inflação, ocorre o contrário. No início do ano, a projeção era de uma variação do IPCA dentro do limite da meta (que em 2021 tem o centro fixado em 3,75%, podendo variar entre 2,25 e 5,25%). À medida que o tempo foi passando e os preços foram aumentando, as projeções se elevaram e se afastaram consideravelmente da meta.

A tabela 1 mostra a evolução recente desses dois indicadores.

  Tabela 1

 Mediana das projeções para 2021 – Relatório Focus

Variável Há 4 semanas Há 1 semana Em 30 de agosto
PIB

(% de crescimento)

5,30 5,27 5,22
IPCA

(variação %)

6,88 7,11 7,27
Fonte: Banco Central

A tendência, para os agentes do mercado financeiro, é que as projeções continuem se deteriorando com redução ainda maior da expectativa de crescimento do PIB e de elevação ainda maior da expectativa de inflação, o que exigirá novos aumentos da taxa básica de juros (Selic), com provável impacto negativo sobre o nível de atividade econômica.

Na microeconomia, por outro lado, percebe-se uma perspectiva bem mais favorável em diversos segmentos de atividade. Na última reunião do Comitê de Avaliação da Conjuntura da Associação Comercial de São Paulo, realizada dia 26 de agosto, depoimentos de representantes de diversos segmentos indicaram a continuidade de uma recuperação iniciada já no segundo semestre de 2020, após o violento baque provocado pela pandemia do coronavírus. Entre os segmentos com desempenho positivo, destacam-se; (i) o do agronegócio (apesar dos problemas enfrentados por questões climáticas); (ii) os da construção civil e de materiais de construção; (iii) o do setor eletroeletrônico, mesmo com gargalos em logística e com semicondutores (pesquisa da Abinee revela expectativa positiva de 79% dos associados, contra 17% que apontam para a estabilidade  e apenas 4% com expectativa negativa); (iv) do setor farmacêutico; (v) do setor de embalagens, que funciona como uma espécie de termômetro do andamento da economia; e (vi) do comércio eletrônico (e-commerce), que registrou o expressivo crescimento de 31% no primeiro semestre em relação ao mesmo período de 2020. No mesmo período, constatou-se um crescimento do ticket médio da ordem de 22%. Outro dado relevante é que em 2021, 42 milhões de pessoas fizeram pelo menos uma compra nesse formato. Os setores com maior crescimento no e-commerce foram: casa e decoração (122%), pet e artigos esportivos.

O varejo também dá sinais de recuperação, que acelera com a progressiva eliminação das restrições ao funcionamento de lojas, bares, restaurantes e outros serviços. A recuperação, no entanto, ainda não foi suficiente para compensar o recuo anterior e vem acompanhada de nítida concentração, favorecendo as grandes redes em detrimento do pequeno varejo.

Como esperado, o desemprego permanece em patamar elevado, uma vez que antes de sair contratando, as empresas deverão alocar os fatores ociosos dos períodos de retração e estagnação[1].

 

[1] Acompanhar meu comentário “A resposta tardia do emprego” no Podcast do Espaço Democrático. Disponível em https://espacodemocratico.org.br/podcasts/a-resposta-tardia-do-emprego/.

Ver Todos os artigos de Luiz Alberto Machado