s
Podcast Café Brasil com Luciano Pires
Nem tudo se desfaz
Nem tudo se desfaz
Vale muito a pena ver a história da qual somos ...

Ver mais

Henrique Viana
Henrique Viana
O convidado para o LíderCast desta vez é Henrique ...

Ver mais

Deduzir ou induzir
Deduzir ou induzir
Veja a quantidade de gente que induz coisas, ...

Ver mais

Origem da Covid – seguindo as pistas
Origem da Covid – seguindo as pistas
Tradução automática feita pelo Google, de artigo de ...

Ver mais

Café Brasil 792 – Solte o belo!
Café Brasil 792 – Solte o belo!
A beleza existe? Ou é só coisa da nossa cabeça? E se ...

Ver mais

Café Brasil 791 – Tempo Perdido
Café Brasil 791 – Tempo Perdido
Você certamente já ouviu falar do Complexo de ...

Ver mais

Café Brasil 790 – Don´t be evil
Café Brasil 790 – Don´t be evil
Existe uma preocupação crescente sobre o nível de ...

Ver mais

Café Brasil 789 – LíderCast Osvaldo Pimentel – Monetizze
Café Brasil 789 – LíderCast Osvaldo Pimentel – Monetizze
Hoje bato um papo com Osvaldo Pimentel, CEO da ...

Ver mais

Café Brasil 789 – LíderCast Osvaldo Pimentel – Monetizze
Café Brasil 789 – LíderCast Osvaldo Pimentel – Monetizze
Hoje bato um papo com Osvaldo Pimentel, CEO da ...

Ver mais

Café Brasil 785 – LíderCast Leandro Bueno
Café Brasil 785 – LíderCast Leandro Bueno
Sabe quem ajuda este programa chegar até você? É a ...

Ver mais

Café Brasil 775 – LíderCast Henrique Viana – Brasil Paralelo
Café Brasil 775 – LíderCast Henrique Viana – Brasil Paralelo
Um papo muito interessante com Henrique Viana, um jovem ...

Ver mais

Café Brasil 771 – LíderCast Aurelio Alfieri
Café Brasil 771 – LíderCast Aurelio Alfieri
Aurélio Alfieri é um educador físico e youtuber, ...

Ver mais

Café na Panela – Luciana Pires
Café na Panela – Luciana Pires
Episódio piloto do projeto Café na Panela, com Luciana ...

Ver mais

Sem treta
Sem treta
A pessoa diz que gosta, mas não compartilha.

Ver mais

O cachorro de cinco pernas
O cachorro de cinco pernas
Quantas pernas um cachorro tem se você chamar o rabo de ...

Ver mais

Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
A intolerância é muito maior na geração que mais teve ...

Ver mais

Trivium: Capítulo 4 – Regras de Definição (parte 5)
Alexandre Gomes
  Para cumprir a função de DEFINIÇÃO, esta deve atender alguns requisitos. Do contrário, será apenas enrolação ou retórica vazia. Os requisitos são: 1. CONVERSÍVEL em relação ao sujeito, à ...

Ver mais

O Brasil e o Dia do Professor
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
O Brasil e o Dia do Professor Aulinha de dois mil réis Apesar das frequentes notícias que vêm a público, dando conta do elevado grau de corrupção existente em nosso país, e da terrível ...

Ver mais

Trivium: Capítulo 4 – Definição dos Termos (parte 4)
Alexandre Gomes
  Uma definição torna explícita a INTENSÃO* ou significado de um termo, a essência que este termo representa.   *  você deve ter estranhado a palavra INTENSÃO, imaginando que seria ...

Ver mais

Enquanto isso
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Em setembro do ano passado o STF julgou um processo muito interessante, sobre a propriedade do Palácio Guanabara, sede do governo do Estado do Rio de Janeiro. Foi decidido que o palácio pertence ...

Ver mais

Cafezinho 431 – Sobre Egosidade
Cafezinho 431 – Sobre Egosidade
Descobri o que acontece com aquela gente enfática, que ...

Ver mais

Cafezinho 430 – A desigualdade nossa de cada dia
Cafezinho 430 – A desigualdade nossa de cada dia
Gritaria ideológica em rede social, sustentada em ...

Ver mais

Cafezinho 429 – Minha tribo
Cafezinho 429 – Minha tribo
E no limite, a violência, o xingar, o ofender, o ...

Ver mais

Cafezinho 428 – A cultura da reclamação
Cafezinho 428 – A cultura da reclamação
O ser humano, naturalmente, só confia em membros de sua ...

Ver mais

Café Brasil 493 – Iscas Intelectuais ao Vivo 1

Café Brasil 493 – Iscas Intelectuais ao Vivo 1

Luciano Pires -

Quando lancei meu livro ME ENGANA QUE EU GOSTO, eu convidei dois amigos para um debate sobre o Brasil. Foi o embrião de um projeto chamado ISCAS INTELECTUAIS AO VIVO que eu pretendo colocar em prática ainda este ano. Um bate papo nutritivo com plateia de ouvintes de podcast, que tal, hein? O programa de hoje reproduz aquele debate.

Posso entrar?

Amigo, amiga, não importa quem seja, bom dia, boa tarde, boa noite. Este é o Café Brasil e eu sou o Luciano Pires.

Este programa chega até você com o apoio do Itaú Cultural e do Auditório Ibirapuera que, como sempre, estão aí ó, a um clique de distância. facebook.com/itaucultural e facebook.com/auditorioibirapuera.

E quem vai levar o exemplar de meu livro ME ENGANA QUE EU GOSTO é o Rodrigo, de São Paulo.

“Luciano, bom dia, boa tarde, boa noite. Meu nome é Rodrigo, eu sou administrador de empresas, moro em São Paulo. Queria lembrar o dia que teve o lançamento do seu livro, “Me engana que eu gosto” e nesse dia tinha aquela plateia de admiradores seus aí, apreciando um bate papo entre você o Piotto e mais um vice reitor que eu não me recordo o nome e eu fazia parte desse pessoal aí. Então, no meio dessa conversa vocês estavam falando em ocupar espaços, que a gente tem que participar o máximo possível, não basta só ficar reclamando, ficar só atrás do computador mas a gente ser mais ativo, participativo. E comentaram a respeito de um conselho participativo municipal, eu nem sabia do que se tratava mas, assim que eu cheguei em casa fui pesquisar, fiz minha inscrição, teve eleição e eu passei. Fui eleito, não faço ideia do que a gente vai ter que fazer mas, acho que o primeiro objetivo, o meu interesse principal já foi cumprido que é ocupar o espaço de alguém desqualificado, um esquerdista, um comunista, um qualquer desses istas aí que só leva a gente pra trás, não é? E agradecer a você por fazer esse trabalho de elucidar as pessoas de plantar sementinha, fazer a gente pensar, então você dá um exemplo, forma exemplos, as pessoas se mostram, fazendo um trabalho de verdade e a gente tira isso como exemplo, uma motivação e tomar um espaço que era pra ser nosso já. Mas, acho que por ficarmos tanto tempo pensando no nosso próprio umbigo, de estarmos pensando da nossa porta para dentro, lá fora que se dane, a gente acaba esquecendo que existe uma vida pública e que essa vida pública que rege toda nossa vida. Querendo ou não. E essa vida pública tem vagas, vagas que são preenchidas por quem? Pessoas realmente desqualificadas, que não tem um bom senso e não sabem o que que é bom pra gente. E as pessoas que estariam qualificadas pra isso está dentro de casa. E você fez me enxergar isso aí e eu estou participando de reuniões, instituições dentro da própria FIESP, por exemplo, reuniões de sindicato, agora esse conselho participativo, e até mesmo dentro do próprio condomínio que eu vivo né, que eu não participava tanto. Acho isso muito interessante, a gente começar a sair da nossa zona de conforto e participar dessa vida pública, senão não faz muito sentido da gente reclamar do que a gente reclama. Um grande abraço, obrigada por todos esses dias aí que eu venho acompanhando você, com as suas instruções e esse caminho que você abre pra gente. Muito obrigado. Um grande abraço, tchau tchau.”

Putz, Rodrigo, que beleza de depoimento, cara. Ouvir você me faz botar o pé no acelerador. É sempre fascinante imaginar que um bate papo, uma reflexão, uma frase possa servir como inspiração para que as pessoas ajam diferente e o seu depoimento é prova disso. Sentado numa plateia, assistindo a um debate, você teve uma inspiração que abriu diante de si uma avenida de oportunidades. E o mais legal, cara! Saiu pra fazer acontecer, como indivíduo e  como cidadão. Parabéns, bicho! Muito obrigado por compartilhar conosco seu entusiasmo. No programa de hoje reproduzimos aquele debate que você assistiu, vamos ver se aparecem outros Rodrigos! Olha! A única forma de combater os maus é ocupando o espaço deles. Bem Rodrigo. Como você estava lá, já deve ter o livro, não é? Então entre em contato pra escolher outro livro.

Muito bem. O Rodrigo receberá um KIT DKT, recheado de produtos PRUDENCE, como géis lubrificantes e preservativos masculino e feminino. PRUDENCE é a marca dos produtos que a DKT distribui como parte de sua missão para conter as doenças sexualmente transmissíveis e contribuir para o controle da natalidade.  O que a DKT faz é marketing social e você contribui quando usa produtos Prudence.

Vamos lá então! Bom. A Ciça também não está aqui hoje, então eu vou sozinho. Eu já enjoei do Lalá, tá bom!

Na hora do amor, use Prudence.

No dia 20 de agosto de 2015, quando do lançamento de meu livro ME ENGANA QUE EU GOSTO, convidei o jornalista Adalberto Piotto e o economista Luiz Alberto de Souza Aranha Machado para um debate sobre o Brasil lá na FNAC, na avenida Paulista. Na plateia, cerca de 40 pessoas, na maioria ouvintes do Café Brasil que se deslocaram até lá em dia de manifestação de apoio à Dilma Rousseff. Que tenso né! Foi muito bom, e o que você ouve agora é o áudio daquela noite

(Como em todos os programas especiais, não teremos a íntegra do texto)

É isso aí. A ideia é começar a organizar mais debates como esse, ao vivo, com plateia e transmissão pela internet. Vamos ver se conseguimos botar pra andar este ano ainda. Fique esperto pra não perder.

Brasil pandeiro
Assis Valente

Chegou a hora dessa gente bronzeada mostrar seu valor
Eu fui à Penha, fui pedir ao Padroeiro para me ajudar
Salve o Morro do Vintém, Pendura a saia eu quero ver
Eu quero ver o tio Sam tocar pandeiro para o mundo sambar

O Tio Sam está querendo conhecer a nossa batucada
Anda dizendo que o molho da baiana melhorou seu prato
Vai entrar no cuzcuz, acarajé e abará
Na Casa Branca já dançou a batucada de ioiô, iaiá

Brasil, esquentai vossos pandeiros
Iluminai os terreiros que nós queremos sambar!

Há quem sambe diferente noutras terras, noutra gente
Num batuque de matar
Batucada, reunir nossos valores
Pastorinhas e cantores
Expressão que não tem par, ó meu Brasil

Brasil, esquentai vossos pandeiros
Iluminai os terreiros que nós queremos sambar!

Brasil, esquentai vossos pandeiros
Iluminai os terreiros que nós queremos sambar!

Ô, ô, sambar.
Ô, ô, sambar…

E é assim então, com o som de Brasil Pandeiro, o clássico de Assis Valente, na versão do projeto 4 Cantos, da marca Luigi Bertolli, uma versão nacional do Playing for Change, que reuniu diversos músicos em prol da paz e de um mundo sem fronteiras, que vamos saindo de mansinho. Aliás, de novo, no embalo.  Vale assistir o vídeo que está lá no roteiro deste programa no portal Café Brasil.

Com o patriótico Lalá Moreira na técnica, a indignada embora ausente, Ciça Camargo na produção e eu, que sei muito nem para que estou aqui, Luciano Pires, na direção e apresentação.

Estiveram conosco o ouvinte Rodrigo, meus amigos Luiz Machado e Adalberto Piotto e um monte de artistas brasileiros…

Este é o Café Brasil. Que chega a você graças ao apoio do Itaú Cultural e do Auditório Ibirapuera. De onde veio este programa tem muito mais. Visite para ler artigos, para acessar o conteúdo deste podcast, para visitar a nossa lojinha no … portalcafebrasil.com.br.

E se você acha que vale a pena ouvir o Café Brasil e quer contribuir, já dá pra fazer… aliás, muito mais cara! Dá pra fazer parte de um grupo especial a Confraria do Café Brasil. Acesse podcastcafebrasil.com.br,  clique no link CONTRIBUA e mergulhe de cabeça nessa ideia de fazer um Brasil melhor.

Pra terminar, ninguém menos que Millôr Fernandes:

Brasil, condenado à esperança.