s

Iscas Intelectuais do Café Brasil

Iscas Intelectuais
A lição de Giordano
Fernando Lopes - Iscas Politicrônicas

O médico Joseph Giordano esperava um dia tranquilo de trabalho naquele longínquo 30 de março de 1981, como cirurgião-chefe da equipe de traumatologia da Universidade George Washington, situado na capital de mesmo (sobre)nome. Perto dali, Ronald Reagan, presidente dos EUA, acabara de ser baleado em plena rua por um psicopata; a limusine presidencial arrancou em […]

| 15/10/2020 - Fernando Lopes em Iscas Politicrônicas
Em pauta, a verdade
Luiz Alberto Machado - Iscas Econômicas

Em pauta, a verdade “O mundo do século XXI remete aos navegadores que conquistaram novas terras no século XVI: eles sabiam onde estavam e tinham apenas uma pálida indicação de onde chegariam. Paradoxalmente, o desenvolvimento acelerado da tecnologia trouxa consigo, por incrível que pareça, muita insegurança e incerteza. Não nos perdemos mais com o Waze, […]

| 02/10/2020 - Luiz Alberto Machado em Iscas Econômicas
Quando abandonamos a literatura, a língua nos abandona
Gustavo Bertoche - É preciso lançar pontes.

O domínio da língua não se esgota na leitura e na escrita proficiente. A língua é composta por muitas linguagens que se inscrevem em diferentes regiões hermenêuticas. Ao transitar por um texto escrito numa região hermenêutica desconhecida, um leitor se encontra numa situação de analfabetismo simbólico – ele não interpreta corretamente o texto porque desconhece […]

| 29/09/2020 - Gustavo Bertoche em É preciso lançar pontes.
Boicote, Coelhinho?
Fernando Lopes - Iscas Politicrônicas

O britânico Charles Cunningham entrou pra História de um jeito muito diferente. Em 1880, foi à Irlanda dirigir os negócios de um grande proprietário de terras local. Acabou entrando em desavenças com os arrendatários, ao exigir deles um aluguel muito maior do que poderiam pagar. Em represália, os agricultores passaram a ignorar Charles; ninguém o […]

| 18/09/2020 - Fernando Lopes em Iscas Politicrônicas
Forjado na derrota
Luiz Alberto Machado - Iscas Econômicas

Forjado na derrota “A um escritor, assim como a um armador, não era permitido sentir medo.” Pat Conroy Conversando por telefone com minha irmã, depois de meses sem nos vermos por conta da quarentena, ela me falou que estava lendo um livro do qual eu provavelmente iria gostar por ser relacionado com o basquete. Na […]

| 05/09/2020 - Luiz Alberto Machado em Iscas Econômicas
O “anti” não funciona mais.
Adalberto Piotto - Olhar Brasileiro

Em política, imagem em construção no presente faz diferença. Imagem consolidada no passado, boa ou ruim, costuma ser decisiva.

| 28/08/2020 - Adalberto Piotto em Olhar Brasileiro
A educação nos novos tempos
Gustavo Bertoche - É preciso lançar pontes.

Amigos, esta epidemia não é a primeira pela qual a humanidade passa – e, a bem da verdade, nem particularmente mortal ela é. Houve muitas outras epidemias mais agressivas – como a Praga de Justiniano, em 541-542, que matou 40% da população de Constantinopla; a Peste Negra entre 1346 e 1353, que devastou a Europa, […]

| 26/08/2020 - Gustavo Bertoche em É preciso lançar pontes.
O crime de Marília
Fernando Lopes - Iscas Politicrônicas

No final dos anos 80, a pavorosa gemedeira caipiruda começou a invadir as rádios brasileiras. Muitos gostaram; afinal, nacionaleiros de plantão, cheios de arrogante ignorância, previam uma invasão cultural da “música americana”, como chamavam música estrangeira em geral – mesmo que fossem as ótimas músicas dos britânicos Queen, Elton John ou Rolling Stones, que dispensam […]

| 24/08/2020 - Fernando Lopes em Iscas Politicrônicas
A grande gripe
Luiz Alberto Machado - Iscas Econômicas

A grande gripe “A primeira vítima de uma guerra é a verdade”. Senador Hiram Johnson (em 1917) Ao se deparar com o título deste artigo, muita gente deve ter feito uma associação imediata com a pandemia que assola o mundo, tendo dominado o noticiário desde o último mês de março. Não é o caso. O […]

| 22/08/2020 - Luiz Alberto Machado em Iscas Econômicas
Abrir as escolas?
Gustavo Bertoche - É preciso lançar pontes.

Amigos, neste momento os Estados e municípios estão discutindo sobre a abertura das escolas públicas e particulares. Defensores da permanência do fechamento das escolas argumentam que “mais importante é a vida”. Eu concordo: mais importante é a vida. Justamente por isso defendo que as escolas – especialmente as públicas – voltem a funcionar. * * […]

| 21/08/2020 - Gustavo Bertoche em É preciso lançar pontes.
Por que o Bolsonaro cresce na pandemia?
Gustavo Bertoche - É preciso lançar pontes.

Saiu na Folha de São Paulo de 14/08: “O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) está com a melhor avaliação desde que começou o seu mandato. Segundo o Datafolha, 37% dos brasileiros consideram seu governo ótimo ou bom, ante 32% que o achavam na pesquisa anterior, feita em 23 e 24 de junho. Mais acentuada ainda […]

| 15/08/2020 - Gustavo Bertoche em É preciso lançar pontes.
Minha viagem pela Economia
Luiz Alberto Machado - Iscas Econômicas

Minha viagem pela Economia “Mais importante que as riquezas naturais são as riquezas artificiais da educação e tecnologia.” Roberto Campos Em março de 1974 embarquei numa viagem na estação Mackenzie, que ainda não era a do metrô, ainda que em setembro daquele ano fossem iniciadas as operações comerciais do metrô de São Paulo, com o […]

| 13/08/2020 - Luiz Alberto Machado em Iscas Econômicas
Cloroquina. Ou: Da necessidade da Filosofia
Gustavo Bertoche - É preciso lançar pontes.

“Eu tomei cloroquina e fiquei curado”. Quantas vezes não ouvimos ou lemos alguém dizendo isso? Não duvido: muitos devem ter superado o Covid após o uso da cloroquina. Isso significa que o uso da cloroquina pode ajudar quem pegou o vírus? Não, não significa. * * * Amigos, é um fato: muitos brasileiros têm grande […]

| 13/08/2020 - Gustavo Bertoche em É preciso lançar pontes.
Um sentido para a vida
Jota Fagner - Origens do Brasil

Esta semana eu completo 41 voltas em torno do Sol. Confesso que nunca entendi o motivo de se parabenizar alguém que faz aniversário. Parabéns pelo quê? Por continuar vivo? Como se pudéssemos controlar esse tipo de coisa. A data, no entanto, é importante para marcar o tempo que você está em cima da terra e […]

| 13/08/2020 - Jota Fagner em Origens do Brasil
Perdemos Jorge Portugal e nossa capacidade de autodefinição
Jota Fagner - Origens do Brasil

“Esqueci de te falar, o Jorge Portugal deu entrada no Hospital do Estado de Salvador. Está em coma induzido, não está bem não. Acho que deu um problema no coração, que não estava conseguindo bombear. Deu parada cardíaca dentro da ambulância”, disse minha mãe, um tanto esbaforida, numa mensagem de voz pelo WhatsApp. Fiquei abalado, […]

| 06/08/2020 - Jota Fagner em Origens do Brasil
Tributo a Celso Furtado
Luiz Alberto Machado - Iscas Econômicas

Celso Furtado: 100 anos “O desejo obstinado de entender o Brasil pressupôs entender por que o país era subdesenvolvido, e, corolário, a mecânica do subdesenvolvimento. ´[…] Autor de cerca de 30 títulos, alguns definitivos para a história do pensamento econômico moderno, do Brasil e América Latina, o intelectual não se satisfez em apontar caminhos, foi […]

| 31/07/2020 - Luiz Alberto Machado em Iscas Econômicas