s

Todo conteúdo do Café Brasil

Podcast Café Brasil com Luciano Pires
Café Brasil 783 – Integridade intelectual

Os tempos andam sombrios, pessoas estão negociando princípios e valores e parece que embarcamos numa debandada moral. Isso é preocupante. Foi assim que caíram os grandes impérios, cara… Decidi então revisitar o tema do Podcast Café Brasil 432 -Descendo do muro, que foi publicado em 2014, lá atrás, num Brasil que não existe mais.

O tema é absolutamente atual e necessário.

| 18/08/2021 - Luciano Pires
Honestidade: de diferencial a pré-requisito
Luiz Alberto Machado - Iscas Econômicas

Honestidade: de diferencial a pré-requisito   Luiz Alberto Machado[1] Em minha primeira contribuição para esta coluna do Instituto Não Aceito Corrupção vou recorrer ao argumento central de um artigo escrito em meados da década de 1990 e a um fato ocorrido mais ou menos na mesma época com o objetivo de estabelecer um paralelo com o […]

| 26/01/2021 - Luiz Alberto Machado em Iscas Econômicas
Cafezinho 310 – O Chaveiro

Sobre nossos esforços equivocados para diminuir a desonestidade.

| 24/08/2020 - Luciano Pires
Cafezinho 174 – Presunção de honestidade

Confiança e reciprocidade. É disso que a presunção de honestidade trata.

| 06/05/2019 - Luciano Pires
Moralidade e Capitalismo 4: A Responsabilidade
Alessandro Loiola

“Dar às pessoas o que elas fizeram por merecer ao invés de simplesmente dar-lhes o que desejam” – este é o mantra da cultura capitalista. Todavia, o capitalismo nem sempre recompensa responsavelmente o trabalho duro e o talento, temos que reconhecer isso. Não obstante, não pode haver Moralidade sem responsabilidade, ou responsabilidade sem autodeterminação. Responsabilidade […]

| 10/09/2018 - Alessandro Loiola
Cafezinho 19 – Mia Couto

Mia Couto fala de umas coisas que têm sido esquecidas: honestidade, tolerância e caráter.

| 13/11/2017 - Luciano Pires
O que os compradores querem
Tom Coelho - Sete Vidas

“Os espinhos que colhi são da árvore que plantei.” (Lord Byron)   Já aprendemos que tecnicamente todos somos vendedores. Afinal, estamos sempre vendendo algo, não necessariamente produtos ou serviços, mas nossa imagem pessoal, a satisfação por nossa companhia, a reflexão proporcionada por nossas ideias. Todavia, no mundo corporativo, estive a maior parte do tempo sentado […]

| 02/04/2017 - Tom Coelho em Sete Vidas
O infinito talento.

“De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar das virtudes, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto”.

| 11/09/2014 - Luciano Pires