s
Videocasts Café Brasil
Cafezinho Live
Cafezinho Live
Luciano Pires, criador e apresentador dos podcasts Café ...

Ver mais

Me Engana Que Eu Gosto
Me Engana Que Eu Gosto
Me engana que eu gosto: dois meio brasis jamais somarão ...

Ver mais

Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando a hora do Podcast Café Brasil 700!

Ver mais

Aplicativos IOS e Android para o Café Brasil Premium!
Aplicativos IOS e Android para o Café Brasil Premium!
MUDANÇAS IMPORTANTES NO CAFÉ BRASIL PREMIUM A você que ...

Ver mais

Café Brasil 735 – Morrer de quê?
Café Brasil 735 – Morrer de quê?
Fala a verdade, quem é que não se pegou pensando sobre ...

Ver mais

Café Brasil 734 – Globalização e Globalismo
Café Brasil 734 – Globalização e Globalismo
Olha, vira e mexe a gente ouve falar em globalização e ...

Ver mais

Café Brasil 733 – Agro Resenha
Café Brasil 733 – Agro Resenha
O agronegócio, que talvez seja o mais espetacular caso ...

Ver mais

Café Brasil 732 – Os quatro Princípios da Objetividade
Café Brasil 732 – Os quatro Princípios da Objetividade
Que tempo de medos, não? Mas será um medo ...

Ver mais

Comunicado Café Brasil e Omnystudio
Comunicado Café Brasil e Omnystudio
Nos 14 anos em que produzimos podcasts, esta talvez ...

Ver mais

Comunicado sobre o LíderCast
Comunicado sobre o LíderCast
Em função da pandemia e quarentena, a temporada 16 do ...

Ver mais

LíderCast 204 – Marco Bianchi
LíderCast 204 – Marco Bianchi
Humorista, um dos criadores dos Sobrinhos do Athaíde, ...

Ver mais

LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
Empreendedor de Vitória, no Espírito Santo, que começa ...

Ver mais

Sem treta
Sem treta
A pessoa diz que gosta, mas não compartilha.

Ver mais

O cachorro de cinco pernas
O cachorro de cinco pernas
Quantas pernas um cachorro tem se você chamar o rabo de ...

Ver mais

Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
Leitura do Cafezinho 304 – (in) Tolerância
A intolerância é muito maior na geração que mais teve ...

Ver mais

Leitura cafezinho 303 – Cérebro médio
Leitura cafezinho 303 – Cérebro médio
Escolha um tema quente, dê sua opinião e em seguida ...

Ver mais

O boom no turismo regional no mundo pós-pandemia do coronavírus
Michel Torres
Estratégias para diferenciação e melhor aproveitamento da imensa demanda por hotéis e pousadas Um detalhe sobre a pandemia do coronavírus em curso é que as áreas com focos concentrados são ...

Ver mais

Boicote, Coelhinho?
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
O britânico Charles Cunningham entrou pra História de um jeito muito diferente. Em 1880, foi à Irlanda dirigir os negócios de um grande proprietário de terras local. Acabou entrando em desavenças ...

Ver mais

Aquém do potencial
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Aquém do potencial  “A economia está sujeita a conveniências políticas que a levaram por maus caminhos. Por isso enfatizo tanto a gravidade da situação, na esperança de levar seus responsáveis ao ...

Ver mais

Forjado na derrota
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Forjado na derrota “A um escritor, assim como a um armador, não era permitido sentir medo.” Pat Conroy Conversando por telefone com minha irmã, depois de meses sem nos vermos por ...

Ver mais

Cafezinho 317 – Declaração de Princípios
Cafezinho 317 – Declaração de Princípios
Quando decidi que lançaria meu primeiro curso on-line, ...

Ver mais

Cafezinho 316 – Não somos estúpidos
Cafezinho 316 – Não somos estúpidos
Não, não é para mergulhar no otimismo cego, que é tão ...

Ver mais

Cafezinho 315 – Como nasce uma palestra
Cafezinho 315 – Como nasce uma palestra
É exatamente como um pintor, um escultor, um músico ...

Ver mais

Cafezinho 314 – Punguistas intelectuais
Cafezinho 314 – Punguistas intelectuais
Ser capaz de detectar as merdades deveria ser a ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 07

Videocast Nakata T02 07

Ciça Camargo -

REFLETINDO SOBRE GENTE NUTRITIVA

Se a sua rotina envolve receber e visitar clientes, você já deve ter dedicado um bom tempo imaginando como fazer a diferença no dia a dia deles. Como resolver o problema deles. E como você, seus concorrentes também estão preocupados e, provavelmente, oferecendo o mesmo padrão de serviço, preço e qualidade que você oferece.

Você só ganha a parada sendo gente nutritiva.

Você conhece muita gente assim, e talvez nem perceba. Se você é homem, pergunte para sua namorada, noiva, esposa ou irmã. Se é mulher, responda:

– Por que você vai naquela cabeleireira e não na outra, que é mais exuberante, melhor instalada, com mais gente?

Provavelmente a maioria das respostas não terá a ver com a capacidade técnica da cabeleireira de prestar um bom serviço. De fazer uma boa unha. Isso é o mínimo que se espera. Provavelmente a resposta terá a ver com a forma como a cabeleireira trata seus clientes. Será que você a escolhe por ela ser uma pessoa nutritiva?

Quer saber se você é uma pessoa nutritiva? Então faça um exercício comigo!

Gente nutritiva

Imagine que você está em uma sala, uma sala qualquer, e que um conhecido chega até você. É uma pessoa que você adora e os 15 minutos que ela fica ali com você, são incríveis!

Você conhece alguém assim? Pense nessa pessoa.

Agora, repita o exercício, mas imagine que quem vem até você não é uma pessoa da qual você gosta. Pelo contrário. Aí, os 15 minutos parecem eternos e você não vê a hora dela ir embora, certo?

Conhece gente assim? Pense nela.

Agora tente visualizar essas duas pessoas, uma ao lado da outra, e me responda:

Qual é a diferença entre elas?

Eu vou ajudar você com a resposta. Repita as frases abaixo, mas com uma pequena mudança. Pronuncie a frase em voz alta, mas onde você lê a palavra tempo, substitua pela palavra vida.

  • Estou fazendo um passatempo.
  • Me dá um minuto do seu tempo?
  • Não tenho tempo.

Viu como fica pesado quando você substitui “tempo” por “vida”?

Aquela pessoa que ficou com você aqueles 15 minutos insuportáveis, não roubou só 15 minutos de seu tempo. Roubou 15 minutos da sua vida.

Já a outra pessoa que transformou aqueles 15 minutos em momentos de prazer, felicidade, emoção ou diversão, enriqueceu 15 minutos de sua vida. Foi nutritiva.

Você é uma pessoa nutritiva?

Voltemos àquela mesma sala, mesmo local. A porta se abre e desta vez que entra é você. O que é que a pessoa que está na sala vê entrar? Alguém nutritivo ou um… pocotó?

O que é que você fará com os 15 minutos de vida que aquela pessoa deu a você?

Faça com que valham a pena!

As pessoas costumam se agrupar em torno de gente que é

  • Divertida;
  • Informativa;
  • Confiável;

Ninguém gosta de pessoas emburradas, mal humoradas, desinformadas, pouco confiáveis e desarticuladas, não é mesmo? Então você já tem uma pista de como agir.

Conhecimento técnico, computadores, paredes pintadas, chão limpo, roupa limpa, cabelo penteado, e bom papo todo mundo pode ter. Mas isso não fará ninguém nutritivo.

Ser nutritivo tem mais a ver com o que você é do que com o que você tem. Aposto que você conhece pessoas com baixa instrução, sem dinheiro no banco, sem fama nem poder, mas que são absolutamente nutritivas, não conhece? Pois é. Educação formal, dinheiro no banco, fama e fortuna não são pré-requisitos para ser nutritivo. Gente nutritiva tem atitude na direção de valorizar o tempo das pessoas. E isso não dá para comprar com dinheiro.

Mantenha isso em mente da próxima vez que um cliente chegar até você. Ao recebê-lo, você estará sendo divertido? Informativo? Confiável? Articulado?

Se não, você tem um problema.

Lembre-se sempre que tempo é vida. Valorize a vida que os outros dão a você.